Expresso

Siga-nos

Perfil

Perfil

Sociedade

Amazon combate Apple com Android e dois Kindles

  • 333

Uma notícia avançada pelo "The Wall Street Journal" afirma que a Amazon vai lançar até Outubro um tablet com Android e dois novos modelos do Kindle. O objetivo é competir com a Apple e o iPad, especialmente na venda de conteúdos digitais.

Carlos Afonso Monteiro (www.expresso.pt)

Quando foi anunciado, o iPad representava para muitos "a certidão de óbito do Kindle", mas tal não aconteceu e a Amazon prepara-se agora para o contra-ataque.

Segundo uma notícia avançada pelo "The Wall Street Journal" a Amazon vai lançar até Outubro um tablet com sistema operativo Android e um ecrã de nove polegadas. A serem confirmadas, estas características não são fortes o suficiente para transformar o tablet da Amazon num "iPad killer", mas o lançamento poderá ajudar a empresa a competir com o maior rival americano do leitor do Kindle, o Nook da Barnes & Noble.

A escolha do sistema operativo Android é lógica visto que a Amazon não tem OS próprio e abriu recentemente a sua Amazon Appstore for Android, lançamento que deu lugar a uma batalha legal pela denominação "Appstore".

Este tablet não foi desenhado nem produzido pela Amazon, mas uma fonte anónima citada pelo "The Wall Street Journal" afirma que a empresa está a preparar o lançamento de outro tablet, desenhado pela própria Amazon, em 2012.

O "The Wall Street Journal" avança ainda o lançamento de dois novos modelos do Kindle para o final do ano. Uma das versões será mais barata e a outra será um modelo "high cost" com ecrã tátil.

Fontes citadas pelo jornal afirmam que a Amazon crê que consegue competir diretamente com a Apple graças à sua infraestrutura de vendas digitais, ou seja, mesmo que perca dinheiro no hardware a Amazon tenciona recuperá-lo nas vendas de e-books, música, vídeos e outros conteúdos digitais.