Expresso

Siga-nos

Perfil

Perfil

Sociedade

Alberto e Charlene disseram "sim" em cerimónia religiosa (fotogaleria e vídeo)

  • 333

Alberto II do Mónaco e a ex-nadadora olímpica Charlene Wittstock voltaram hoje a dizer sim, mas agora numa cerimónia religiosa.

.
1 / 19

.

.
2 / 19

.

.
3 / 19

.

.
4 / 19

.

.
5 / 19

.

.
6 / 19

.

.
7 / 19

.

.
8 / 19

.

.
9 / 19

.

.
10 / 19

.

.
11 / 19

.

.
12 / 19

.

.
13 / 19

.

.
14 / 19

.

.
15 / 19

.

.
16 / 19

.

.
17 / 19

.

.
18 / 19

.

.
19 / 19

.

O príncipe Alberto II do Mónaco, de 53 anos, casou-se hoje com a princesa Charlene do Mónaco, de 33 anos, numa cerimónia religiosa realizada no pátio principal do Palácio Grimaldi.

À pergunta do consentimento colocada pelo arcebispo do Mónaco, os dois responderam, ele primeiro e depois ela, "sim", tendo depois trocado alianças.

A cerimónia religiosa foi marcada por diversos momentos musicais. O mais surpreendente aconteceu durante a troca de alianças, quando a cantora Pumela Matshikiza interpretou um cântico tradicional sul-africano, que supostamente trará boa sorte aos noivos.

O momento suscitou um sorriso, talvez o mais expressivo durante a cerimónia, da princesa Charlene do Mónaco.

No final da cerimónia, o conhecido tenor Andrea Bocelli cantou o tema 'Ave Maria' de Schubert.

As alianças do casal real são de platina branca e foram criadas por uma conhecida marca internacional de jóias.

A ex-campeã de natação sul-africana, que entrou no recinto da cerimónia acompanhada pelo seu pai, Michael Kenneth Wittstock, escolheu um vestido com uma cauda de 20 metros desenhado pelo estilista italiano Giorgio Armani, que segundo fontes do Palácio, precisou de mais de 2.500 horas de trabalho e está decorado com 40 mil cristais Swarosky e 30 mil pedras preciosas.

O casamento contou com 3.500 convidados, incluindo vários elementos das casas reais europeias, como foi o caso de Duarte Pio de Bragança e Isabel de Herédia de Bragança.

A cerimónia, que começou às 16:00 hora de Lisboa, contou ainda com a presença de chefes de Estado, como o Presidente francês Nicolas Sarkozy, e de várias personalidades do mundo do desporto e da moda, como foi o caso da modelo Naomi Campbell e dos estilistas Karl Lagerfeld e Giorgio Armani.

Na sexta-feira, Alberto II e Charlene do Mónaco já tinham oficializado a união numa cerimónia civil realizada na sala do trono no Palácio Grimaldi.

A cerimónia durou apenas 20 minutos e contou com a presença de familiares e dos amigos mais próximos do casal.