Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Alberto da Ponte diz que Liga dos Campeões vai dar retorno anual de 800 mil euros à RTP

O Presidente do Conselho de Administração da RTP, Alberto da Ponte, foi ouvido esta manhã na Comissão para a Ética, a Cidadania e a Comunicação, na AR

Manuel de Almeida/Lusa

Presidente do canal público rejeita ter havido "despesismo" na compra dos direitos da Champions. E admite que não terá condições para permanecer à frente da RTP durante muito mais tempo.

A compra dos direitos de transmissão da Liga dos Campeões dará 5,8 milhões de euros anuais de retorno à RTP, mais 800 mil do que foi pago, declarou Alberto da Ponte, esta terça-feira, aos deputados da comissão parlamentar para a Ética, a Cidadania e a Comunicação da Assembleia da República.

O presidente da RTP disse que a transmissão dos jogos vai gerar 2,5 milhões anuais em publicidade, a que se somam 3,3 milhões de euros de custos de oportunidade.

Na sequência da compra pelo canal dos direitos da Liga dos Campeões relativa ao triénio 2015/18 por 15 milhões de euros, o Conselho Geral Independente (CGI) recomendou a destituição do cargo por parte do conselho de administração da empresa e o Governo anunciou que iria agir em conformidade.

Falando hoje aos deputados, Alberto da Ponte rejeitou as acusações de "despesismo" na compra, por concurso, dos direitos de transmissão. E acrescentou não ter sentido necessidade de comunicar superiormente a decisão por se ter tratado de uma opção editorial "linear" e "coerente", sustentada por "um estudo de viabilidade que não só mostrou que era autossustentável como tinha retorno".

Alberto da Ponte considerou ainda que a recomendação do CGI não está fundamentada, e admitiu que não terá condições para permanecer à frente da RTP durante muito mais tempo.

"Não posso afirmar que este Governo ou esta tutela queira ver-se livre deste conselho de administração, mas que parece, parece", acrescentou mais adiante.