Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

PJ desmantela associação criminosa suspeita de roubos violentos a carrinhas de transporte de valores

Rede criminosa transnacional de oito elementos, um dos quais detido em Espanha esta terça-feira, mantinha-se operacional há dois anos. Arguidos com idades entre os 30 e os 50 anos são suspeitos de roubo a viaturas de transporte de valores e automóveis com recurso a armas de fogo no norte do país

Expresso

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Norte, em inquérito titulado pelo DIAP-Porto, procedeu à identificação e detenção de sete cidadãos de nacionalidade portuguesa e um estrangeiro, os oito fortemente indiciados por crime de associação criminosa e crimes contra a propriedade. As diligências de detenção foram complementadas com 10 buscas domiciliárias e seis não domiciliárias, no decurso das quais foi apreendida matéria probatória com relevância para os factos em investigação.

Segundo a PJ, os suspeitos pertenciam a uma estrutura criminosa de âmbito transnacional com ligações a Espanha, onde um dos membros foi detido na execução de Mandado de Detenção Europeu. A rede, operacional desde o ano de 2016, é responsável por vários crimes de roubo a viaturas de transporte de valores e de veículos automóveis com recurso a armas de fogo, na área norte do país, dos quais resultaram vantagens patrimoniais muito elevadas.

Parte significativa dos veículos roubados ou furtados foram desviados para oficinas com vista ao seu desmantelamento total ou parcial e outras deslocadas para Espanha para serem comercializadas. Os oito detidos, com idades compreendidas entre os 30 e os 50 anos, possuem antecedentes policiais e criminais por crimes da mesma natureza, estando dois deles já sujeitos a medidas de coação também pela suspeita da prática de crimes contra a propriedade, vão ser presentes a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequada.