Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Força Área diz que relatório americano divulgado pelo Expresso não é de “laboratório certificado”

Nuno Botelho

Militares asseguram a qualidade da água na zona da Base das Lajes, na ilha Terceira

A Força Área Portuguesa garante que a água para consumo na ilha Terceira é de boa qualidade e que o relatório divulgado pelo Expresso não é de um “laboratório certificado”. Em comunicado, os militares dizem que o “2015 Water Drinking Quality Report” é um documento interno.

“O Comando da Zona Aérea questionou o 65th Air Base Group (65th ABG) sobre a existência e validade do “2015 Water Drinking Quality Report”. Em resposta, estes informaram que se trata de um documento interno, cujos resultados não foram obtidos em laboratório certificado. As análises oficiais, essas sim realizadas em entidades certificadas, de 2015 até à presente data, comprovam a boa qualidade da água para consumo”, lê-se no comunicado divulgado.

A Força Áerea explica ainda que os emails enviados se devem a “uma medida de precaução após a receção de resultados de análises à qualidade da água, realizadas em julho de 2017, nas quais foi evidenciada uma contaminação de origem bacteriana na água distribuída à área edificada sob responsabilidade da Força Aérea, com origem no interior da própria rede. Após a localização e delimitação das áreas afetadas, a rede sofreu as intervenções tidas como necessárias para erradicação da contaminação”.

Esta quinta-feira, o Expresso noticiou que as análises à água para consumo humano captada nos aquíferos na zona da Base das Lajes, no concelho da Praia da Vitória, ilha Terceira (Açores), revelavam excesso de dioxinas, amónia, ácido fosfónico, cobre, ácido acético, chumbo, naftaleno (um hidrocarboneto), trialometano, bem como dos herbicidas glifosato, diquat e endotal, e dos pesticidas hidroxicarbofurano e metiocarbe. A informação consta de uma lista publicada no relatório das autoridades americanas da base intitulado "Drinking Water Quality Report 2015", a que o Expresso teve acesso.