Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Tempestade Felix traz ondas que podem chegar aos 15 metros

A Marinha e a Autoridade Marítima Nacional fizeram esta manhã um ponto de situação no Instituto Hidrográfico, em Lisboa, sobre o agravamento das condições do estado do mar nos próximos dias. Segundo Quaresma Santos, durante o fim de semana, as ondas poderão atingir os 15 metros de altura devido à forte agitação marítima

Hoje, seis barras do continente estão fechadas a toda a navegação e outras quatro estão condicionadas devido à agitação marítima forte, de acordo com a Marinha Portuguesa.

As barras marítimas de Caminha, Vila Praia de Âncora, Esposende, Douro, São Martinho do Porto e Ericeira estão fechadas à navegação. As barras de Aveiro e da Figueira da Foz estão fechadas a embarcações de calado superior a 15 metros e a de Viana do Castelo a embarcações com 11 metros.

A Marinha indica ainda que nas barras marítimas de Vila do Conde e da Póvoa de Varzim as embarcações com calado superior a dois metros devem usar a barra entre duas horas antes e duas horas depois da preia-mar.

Por causa da agitação marítima, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), colocou a Madeira e toda a costa portuguesa sob aviso amarelo e, no sábado, sob aviso laranja (só distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Aveiro e Viseu).

Com Lusa