Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Emissão especial vídeo: o dia em que Pedro Dias foi condenado a 25 anos de prisão

Direto SIC. Tribunal da Guarda condenou Pedro Dias a 25 anos de prisão pelos vários crimes de homicídio qualificado, sequestro, roubo e uso e porte de armas proibidas cometidos em outubro de 2016

Pedro Dias foi condenado esta quinta-feira a 25 anos de prisão pelos crimes de homicídio cometidos em Aguiar da Beira a 11 de outubro de 2016. A decisão foi anunciada pelo juiz do Tribunal da Guarda – onde se encontra a ser julgado desde novembro de 2017 –, que deu como integralmente provada a acusação e agravou os crimes de homicídio qualificado. A pena de 25 anos resulta do cúmulo jurídico, agravado pelos antecedentes criminais e gravidade dos crimes.

Pedro Dias estava acusado de três crimes de homicídio qualificado sob a forma consumada, três crimes de homicídio qualificado sob a forma tentada – que passaram de “simples” para “agravados” –, três crimes de sequestro e dois de roubo. O Ministério Público pediu a pena máxima de 25 anos de prisão para Pedro Dias, que esteve 28 dias em fuga.