Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Homem ferido com gravidade após disparos em escola da Nazaré

Em causa esteve um desentendimento entre familiares de dois alunos. Vítima foi transportada para o Hospital de Alcobaça

A Escola Amadeu Gaudêncio, na Nazaré, foi esta segunda-feira encerrada devido a uma agressão, que envolveu tiros e uma arma branca, que causou ferimentos graves num homem de 67 anos, divulgou o Comando de Operações Distritais (CDOS) de Leiria.

“Houve disparos. Não se pode falar em tiroteio, que pressupõe troca de tiros. Um indivíduo do sexo masculino recorreu a uma arma para agredir outro indivíduo. Também há referência à utilização prévia de uma arma branca”, disse ao Expresso o comissário Bruno Soares, do Comando distrital da PSP de Leiria.

O agressor foi “controlado e detido no local” e a arma foi apreendida pelos elementos da Escola Segura, segundo a mesma fonte.

O desentendimento ocorreu às 10h22, “no pátio da escola”, onde se encontravam os alunos, alguns dos quais ficaram “em estado de choque”, mas “nenhum sofreu ferimentos”, explicou fonte do comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Leiria.

A vítima foi transportada para o Hospital de Alcobaça e mais tarde transferida para o Hospital de Leiria.

A Lusa confirmou com o vereador da Educação da Câmara da Nazaré que “a escola foi encerrada”. No local estiveram os Bombeiros da Nazaré e a PSP. O caso está a ser investigado pela PJ.

(Atualizada às 13h33)