Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

PR apadrinha doutoramento do seu homólogo italiano

ANDRÉ KOSTERS / Lusa

Universidade do Porto atribui esta quinta-feira o título de Doutor Honoris Causa a Sergio Mattarella

Isabel Paulo

Isabel Paulo

Jornalista

Em visita de Estado de dois dias a Portugal, o Presidente italiano vai estar, esta quinta-feira, no Porto, onde a universidade local irá atribuir-lhe o título de Doutor Honoris Causa.

A cerimónia contará com intervenções de Marcelo Rebelo de Sousa, padrinho do homenageado, de Sebastião Feyo de Azevedo, reitor da Universidade do Porto (UP), e de Isabel Pires de Lima, antiga ministra da Cultura e professora emérita da universidade, a quem caberá proferir o elogio do novo doutorando.

A homenagem é justificada por Sebastião Feyo de Azevedo como um “reconhecimento da importante contribuição de Sergio Mattarella para a cooperação luso-italiana e para o fortalecimento dos valores de desenvolvimento e de paz na humanidade”. O reitor da UP considera o Presidente italiano como um distinto académico e uma personalidade europeia que se tem distinguido pelo seu trabalho em causas públicas para a cooperação mundial.

Sergio Mattarela, jurista e ex-professor da Universidade de Palermo, ingressará na galeria de Doutores Honoris Causa da UP, ao lado de personalidades diversas como Fernando Henrique Cardoso, Jacques Delors, Xanana Gusmão, José Ramos-Horta, Jean-Claude Juncker, Mário Soares, Jorge Sampaio e Marcelo Rebelo de Sousa.

Esta manhã, o Presidente de Itália será ainda recebido, em sessão solene, por Rui Moreira na Câmara do Porto. No último dia da visita a Portugal, o autarca oferece a Sergio Mattarella um almoço, com a presença do Presidente da República, no Palácio da Bolsa.