Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

#sillyseason2017. A vez dos flamingos e dos unicórnios

Ana Garcia Martins, a blogger mais famosa de Portugal, juntou-se à última moda durante as recentes férias na Tailândia

A Pipoca Mais Doce

Ao início, eram as pernas dobradas ao sol, tão bronzeadas e impecavelmente cuidadas que, à vista desarmada, ficava difícil dizer se eram mesmo pernas ou salsichas. Depois, vieram as belfies na praia, que é como quem diz uma selfie em que o protagonista é o rabiosque. Houve até quem fosse mais longe: uma conta de Instagram, Cheeky Exploits, que tem já quase 240 mil seguidores, convida os viajantes a fotografarem-se de rabo ao léu. Podia ter sido a nova tendência da rede social que nos ajuda a documentar o quotidiano, mas (ainda?) não vingou por cá.

A minha aposta para esta estação também saiu furada: quando vi Chiara Ferragni, a fashion blogger mais famosa do mundo, a passear pelas semanas de moda com transparências que deixavam os seios à mostra, estava certo que este seria o verão em que milhares de portuguesas se juntariam ao movimento #freethenipple, nuinhas só com um véu como no clássico dos Lunáticos. Puro engano. Se quer estar na moda nesta estação, esqueça as transparências ou as últimas tendências de biquínis. Para colecionar muitos likes no Instagram, tudo o que precisa é fotografar-se com um insuflável gigante.

A moda, claro, começou lá fora, mas já chegou cá. Depois do insuflável em forma de flamingo, os unicórnios são agora os favoritos de it girls como Sara Sampaio, Gigi Hadid, Kendall Jenner ou Chiara Ferragni. Mas há-os para todos os gostos: cisnes, cavalos marinhos, fatias de pizza, de melancia ou de ananás, donuts, conchas, lábios, dourados e até emojis. Se quiser estar na água como uma sereia, não lhe falta sequer uma cauda à medida do capricho.

www.getfloaty.com

Houve um tempo em que as boias e os insufláveis serviam para manter as crianças em segurança quando iam à água. Agora, saltaram das produções de moda para as páginas do Instagram, fazendo as delícias dos adultos. Dizem os trendsetters (criadores de tendências) que são não só divertidos, mas também "glamorosos". Bastam umas dezenas de euros para fazer a festa. Pelo menos até chegar a próxima moda.