Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Incêndios afetaram 90 casas e 25 fábricas

PAULO NOVAIS/LUSA

Os incêndios que afetaram os distritos de Pedrógão Grande, Castanheira de Pera e Figueiró dos Vinhos atingiram 90 casas, das quais 63 profundamente afetadas e 25 fábricas, duas das quais terão de fechar

O ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, revelou ontem que os incêndios que afetaram profundamente os distritos de Pedrógão Grande, Castanheira de Pera e Figueiró dos Vinhos atingiram 90 casas e 25 empresas.

Das 90 casas, 63 foram “profundamente afetadas” e das 25 empresas há duas que “têm de fechar”. No total, são afetados 273 trabalhadores.

Pedro Marques acrescentou que estão a ser desenvolvidos esforços para estes trabalhadores serem integrados e outras unidades da região, enquanto as empresas afetadas não voltam a funcionar em pleno.

Entretanto, o primeiro-ministro, António Costa, reafirmou que os fundos solidários entretanto constituídos se destinam exclusivamente aos três distritos em causa.

Góis e Pampilhosa ficam assim de fora deste apoio específico, o que está a motivar os protestos dos autarcas destes dois distritos.