Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Retomadas às 7h buscas para encontrar jovens desaparecidos em praia de Espinho

José Coelho / Lusa

Nas buscas, alargadas aos concelhos de Gaia a Aveiro, a sul, participam cerca de 50 elementos de várias entidades ligadas a operações de socorro e salvamento marítimo

As buscas para encontrar os dois jovens desaparecidos no domingo no mar junto a Espinho foram retomadas às 7h desta quarta-feira e alargadas aos concelhos a Sul, segundo fonte do centro coordenador de Busca e Salvamento Marítimo.

A mesma fonte adiantou que nas buscas participam cerca de 50 elementos de várias entidades ligadas a operações de socorro e salvamento marítimo, entre os quais a Força Aérea, Estação Salva Vidas do Douro, Bombeiros Voluntários do Concelho de Espinho, Polícia Marítima e Instituto de Socorros a Náufragos.

Na terça-feira, o comandante Rodrigues Campos, que coordena as operações, disse que as buscas iriam ser alargadas aos concelhos a Sul (de Gaia a Aveiro).

"Para isso, vamos contar com meios da Capitania do Porto de Aveiro e dos Bombeiros Voluntários de Esmoriz, dispensando alguns dos operacionais que estiveram a trabalhar connosco até agora, mas contando com a ajuda dos novos, que se juntam agora ao dispositivo", acrescentou.

Se o estado do mar permitir "uma janela de oportunidade para o trabalho dos mergulhadores", esses profissionais também irão proceder a buscas subaquáticas junto ao molhe que separa a Praia da Costa Verde da Praia da Baía – local onde os jovens terão sido vistos pela última vez e onde a rebentação das ondas é geralmente violenta.