Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Ministra ordena inquérito a agressão de GNR a utente das Finanças no Montijo

Ministra da Administração Interna ordenou uma investigação às circunstâncias que levaram um militar da GNR à civil a deter um homem na repartição de Finanças no Montijo, esta terça-feira. O homem envolvido no incidente está a ser ouvido pelo procurador que investiga o caso. Diz-se envergonhado

O homem foi notificado para se apresentar ao Ministério Público, no Tribunal do Montijo, para ser ouvido pelo procurador que conduz a investigação. Foi constituído arguido, indiciado pelos crimes de desobediência, resistência e coação sobre funcionário por ter desobedecido à ordem do militar da GNR para abandonar as instalações da repartição de Finanças.

O primeiro interrogatório judicial estava marcado para as 10h, o arguido compareceu, com o advogado de defesa. À entrada disse, apenas que se sentia envergonhado.

Entretanto, a ministra da Administração Interna ordenou à Inspeção Geral da Administração Interna (IGAI) a abertura de um inquérito para apuramento de eventuais responsabilidades. Junta-se a outro inquérito, aberto pela Guarda Nacional Republicana também para averiguar as circunstâncias da detenção do arguido.

A Associação Sócio-Profissional Independente da Guarda, em comunicado, exigiu o que chamou de uma investigação sem preconceitos e à luz de uma isenta interpretação da Lei.

O homem, de 26 anos, estava na repartição de finanças por causa de umas dúvidas no preenchimento da declaração de IRS. Terá havido uma troca de palavras com os funcionários do balcão e a certa altura fez um vídeo em direto para o Facebook, onde mostrou um outro utente que se terá identificado como agente da GNR.

Foi nesse momento que se deu o incidente que levou à detenção e abertura do inquérito. O agente agarra-o e aplica uma técnica de defesa pessoal que faz com que o homem perca os sentidos por alguns instantes.

Depois de ter recuperado do desmaio, o homem foi levado pela patrulha da PSP que, entretanto, tinha sido chamada ao local.