Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Aeronave que caiu em Tires pertencia a empresa suíça de implantes ortopédicos

José Carlos Carvalho

Pelo menos cinco pessoas morreram após despenhamento em zona habitacional

A Symbios Orthopaedics, segundo indica um comunicado do aeródromo de Cascais, é a empresa proprietária da aeronave que caiu esta segunda-feira em Tires. Morreram cinco pessoas: um tripulante e três passageiros que seguiam a bordo e ainda o condutor de um camião contra o qual a aeronave embateu após a queda.

Criada em 1989, a empresa tem sede em Yverdon les Bains, nos Alpes suíços, e dedica-se à produção de implante ortopédicos, especializada na produção de próteses para a substituição de ancas.

Os seus implantes têm sido usados tanto em pacientes militares como civis, tendo uma base de dados cerca de 29 mil pacientes, segundo refere o site da filial britânica da empresa.

Em 2014 investiram na produção de elementos aditivos através de impressoras 3D de modo a conseguirem colocar no mercado mais rapidamente implantes personalizados. Recentemente alargaram o seu portfólio de produtos de modo a incluírem produtos para “satisfazer os requisitos únicos da Cirurgia Corretiva de Anca e primárias e corretivas de Substituição Total de Joelho”.

A aeronave PA-31 caiu às 11h05 desta segunda-feira, após ter descolado num voo que teria destino a Marselha, refere ainda o aeródromo de Cascais.