Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Trânsito junto ao viaduto de Alcântara continua cortado

“O trânsito está condicionado no sentido Cascais-Lisboa. Às 7h30 o trânsito ainda estava a fazer-se com alguma regularidade”, adianta a PSP

O trânsito junto ao viaduto de Alcântara continuava às 7h30 desta quinta-feira condicionado no sentido Cascais-Lisboa devido aos trabalhos da Câmara no viaduto após o desvio registado na quarta-feira num dos pilares, disse fonte da PSP trânsito.

Às 7h30 desta quinta-feira ainda estavam no local a decorrer os trabalhos no viaduto, apesar de na quarta-feira a Câmara Municipal de Lisboa ter afirmado em comunicado que estes iriam decorrer entre as 2h e as 6h.

O trânsito na zona de Alcântara continuava às 7h30 desta quinta-feira condicionado devido ao problema no viaduto, que passa por cima das avenidas da Índia e Brasília, entre a Avenida de Ceuta e as Docas.

“O trânsito está condicionado no sentido Cascais-Lisboa. Às 7h30 o trânsito ainda estava a fazer-se com alguma regularidade”, adiantou a mesma fonte da PSP, salientando que os trabalhos ainda estão a decorrer, não havendo previsão para o restabelecimento da normalidade.

A mesma fonte indicou que “o trânsito está a ser desviado, não havendo carros a passar por debaixo do viaduto” através da Avenida da Índia.

“Na Avenida Brasília - artéria paralela à avenida da Índia e que também se localiza por debaixo do viaduto de Alcântara - o trânsito está a circular normalmente”, disse.

No comunicado da câmara, emitido na quarta-feira, a autarquia informava que iriam ser montados “dispositivos hidráulicos para elevar o tabuleiro com vista a colocar esta estrutura e o pilar na posição correta”.

A intervenção não vai ter “qualquer impacto na circulação ferroviária”, referiu o município, lembrando que o trânsito mantinha “fortes condicionamentos”.

A circulação de trânsito na avenida da Índia - artéria localizada por debaixo do viaduto de Alcântara -- foi interrompida às 8h de quarta-feira.

Devido aos trabalhos, a circulação rodoviária sobre o viaduto vai continuar encerrada.

De acordo com o vereador do Urbanismo da Câmara de Lisboa, “não há qualquer risco de colapso do viaduto” de Alcântara, apesar do desvio na infraestrutura.

O incidente estará relacionado “com o provável embate de um pesado durante a noite”, referiu Manuel Salgado.

Em relação à intervenção a realizar no viaduto, o autarca disse ao final da manhã que “não é muito complexa”, explicando que “é a montagem de umas torres e de uns macacos hidráulicos para levantarem o tabuleiro e encaixar na posição correta”.

O vereador Manuel Salgado referiu ainda que foi feita uma inspeção ao viaduto no dia 13 de fevereiro, o que é reafirmado no comunicado do município.

A autarquia dá conta de exames regulares pelos serviços técnicos competentes e de não ter sido detetada qualquer anomalia.

“O viaduto estava em boas condições. A sua estrutura foi reforçada em 2005”, acrescentou Manuel Salgado no local.