Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Vimeo investe na realidade virtual

d.r.

O Vimeo, segunda maior plataforma global de partilha de vídeo (a seguir ao YouTube), acaba de dar o passo em frente em direção à Realidade Virtual (RV) e à experiência dos vídeos 360°. Desde a semana passada que o Vimeo já tem as ferramentas necessárias à disposição

Luís Proençaa

Os criadores dos chamados conteúdos imersivos já podem carregar os vídeos 360°, partilhá-los e vende-los no Vimeo. E para que se veja como é, a plataforma publicou uma primeira coleção especial reunida a partir da sua comunidade de criadores, intitulada “360 Cinema channel”.

Nesta fase inicial, os vídeos podem ser vistos com recurso às aplicações móveis do Vimeo para iOs e Android através de dispositivos e “headsets” como o Samsung Gear VR, Google Daydream e Zeiss VR One. A companhia informa que vai concluir em breve o desenvolvimento tecnológico necessário para permitir igualmente o acesso aos vídeos 360° através dos Oculus Rift e HTC Vive. O pacote é completo. Anunciaram também que os vídeos, em alta definição, podem ser descarregados para visionamento “offline”. Os criadores têm a possibilidade de disponibilizar os vídeos na plataforma até 8K de resolução, adicionar meta dados e inserir “calls-to-action” diretamente e embebidos nos próprios vídeos. Quem o entender tem igualmente a possibilidade de pôr os vídeos à venda através do serviço “Vimeo On Demand”.

A plataforma que se distingue especialmente do gigante e rival YouTube por não recorrer à exploração comercial através da publicidade vem acrescentar no lançamento do Vimeo 360 um conjunto de recursos educacionais para ajudar a ensinar os novos criadores acerca das técnicas básicas do vídeo 360°, nomeadamente tutoriais sobre as diversas câmaras disponíveis no mercado, métodos de pré-produção, captação e edição.

O YouTube já leva praticamente dois anos de avanço. Lançou o serviço de apoio da plataforma em maio de 2015 e introduziu o “live stream” dedicado aos vídeos 360° em abril do ano passado. A Google – proprietária do YouTube -, fez sair adiante, em novembro passado e em cinco países para começar, o seu próprio “headset” para realidade virtual 360° (“Daydream View VR”) em conjunto com as apps para viver as experiencias no YouTube. Por curiosidade, e aproveitando a cem por cento a experiencia dos vídeos 360° se possui um dos dispositivos identificado, pode espreitar AQUI a coleção do “360 Cinema channel”.

CNN quer mostrar o mundo de todos os ângulos

CNN quer mostrar o mundo de todos os ângulos

E como a RV 360° não vive apenas de entretenimento, animação, documentais ou pequenos vídeos caseiros, também se move no território do jornalismo, o canal de televisão informativo CNN entendeu avançar com a CNNVR, uma nova unidade dedicada ao jornalismo imersivo que virá a ter a sua própria morada. Entenda-se uma plataforma exclusivamente dedicada à RV no perímetro da divisão maior da CNN Digital. O canal faz saber que planeia cobrir os maiores eventos e acontecimentos globais em 360° e publicar os respetivos os vídeos semanalmente na sua plataforma de RV por entender tratar-se do meio mais simples de aceder aos conteúdos em cada dispositivo. As aplicações do canal já estão habilitadas para o efeito e os conteúdos vão ser distribuídos para os headsets mais popularizados: Samsumg Gear VR, Oculus Rift e Google Daydream. Os responsáveis da CNN pretendem que “quando uma notícia surge, quando se desvendam histórias fantásticas, a CNNVR vai fazer viajar as audiências para mais perto do nunca e através de todos os dispositivos disponíveis”, conforme assinalam numa declaração a propósito do anuncio publico da criação desta nova unidade.