Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Mau tempo obriga ao cancelamento de voos nos Açores

Também por causa das condições meteorológicas na ilha Terceira, vários outros registam atraso

Dois voos foram cancelados esta segunda-feira e outros registam atrasos devido ao mau tempo que afeta a ilha Terceira, nos Açores, disse à agência Lusa fonte aeroportuária.

Segundo a diretora da aerogare civil das Lajes, na ilha Terceira, Isménia Alves, foram cancelados os voos Ponta Delgada-Terceira-Ponta Delgada da SATA Air Açores.

Fonte da SATA explicou que os passageiros que deveriam seguir nesta ligação farão a viagem noutros voos ainda hoje.

A mesma fonte adiantou existirem atrasos nas ligações Ponta Delgada-Terceira-Horta e no regresso, processando-se a restante operação da transportadora aérea açoriana com normalidade.

Isménia Alves adiantou que o voo da Qatar, que aterrou no domingo nas Lajes devido a uma emergência médica e que estava previsto sair às 9h locais (mais uma hora em Lisboa), foi remarcado para as 12h30.

O Boeing da Qatar Airways, que fazia a ligação entre o aeroporto de Washington/Dulles, nos Estados Unidos da América, e Doha, no Qatar, declarou a emergência médica por causa de um passageiro que se sentiu mal a bordo, após "alguma turbulência" durante o voo.

Entretanto, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) elevou hoje para laranja o aviso meteorológico para três ilhas dos Açores, devido à previsão de chuva forte.

O aviso laranja vigora até às 14h locais (mais uma hora em Lisboa) na ilha Terceira, do grupo central do arquipélago, e entre as 2h e as 8h de terça-feira para as ilhas de São Miguel e de Santa Maria, do grupo oriental.

Nas ilhas de São Miguel e de Santa Maria o aviso laranja é antecedido de um aviso amarelo, para chuva, vento e trovoada, a partir da noite de hoje e até ao final da manhã de terça-feira.

Para o grupo central - ilhas Terceira, São Jorge, Pico, Faial e Graciosa - vigora também um aviso amarelo devido à previsão de chuva, vento e trovoada, que se mantém até às 14h.

O aviso laranja é o segundo mais grave de uma escala de quatro e indica situação meteorológica de risco moderado a elevado. Já o aviso amarelo, o terceiro mais grave, indica situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.