Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Federação Nacional de Táxis cancela protesto da próxima semana. ANTRAL mantém

José Caria

Apesar de saber que Marcelo Rebelo de Sousa não estará em Belém na segunda-feira, Florêncio Almeida manteve o anúncio feito durante a manifestação de taxistas na rotunda do Relógio, em Lisboa. Já Rudolfo Melo defendeu que a decisão de uma nova manifestação foi “tomada a quente”

O presidente ANTRAL, Florêncio Almeida, disse esta quarta -feira que o protesto de taxistas de segunda-feira se mantém, depois de a Federação Nacional de Táxis ter dito que o protesto foi cancelado.

Em declarações por telefone à Lusa, Florêncio Almeida manteve o anúncio feito segunda-feira passada durante a manifestação de taxistas na rotunda do Relógio, em Lisboa, de um novo protesto na próxima segunda-feira na Presidência da República, bem como concentrações em frente às câmaras do Porto e de Faro.

"Vamos reunir amanhã às 10h30. Sabemos que o Presidente da República não vai estar em Portugal na segunda-feira", disse Florêncio Almeida, salientando que querem reunir-se com Marcelo Rebelo de Sousa.

Esta quarta-feira à RTP, um representante da Federação Portuguesa do Táxi, Rudolfo Melo, disse que a decisão foi "tomada a quente" e que "entretanto chegou-se à conclusão" que era melhor os dois dirigentes, da Associação Nacional de Transportes Rodoviários em Automóveis Ligeiros e da Federação Portuguesa do Táxi, se deslocarem à Presidência para se reunirem com os assessores de Marcelo Rebelo de Sousa.

A Lusa tentou contactar sem sucesso o presidente da Federação Portuguesa do Táxi.

  • Táxis: Governo quer tarifas especiais nos aeroportos

    O ministro do Ambiente diz estar “interessado” em que esse plano avance. Garantir que “uma boa parte” dos táxis são elétricos e assegurar tarifas específicas junto dos aeroportos e dos portos de Leixões e de Lisboa fazem parte desse pacote de modernização do sector