Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

S. Pedro do Sul. GNR pede à população para se manter em casa

  • 333

MIGUEL PEREIRA DA SILVA / Lusa

Um dos suspeitos do tiroteio de Aguiar da Beira que matou um militar da GNR e feriu outro com gravidade continua em fuga. Por precaução, as autoridades apelam a que as pessoas tranquem portas e janelas e estejam atentas a pessoas estranhas

A Guarda Nacional Republicana pede a todas as pessoas das localidades de Candal, Póvoa das Leiras e Coelheira, em São Pedro do Sul, que se mantenham em casa. O apelo surge no seguimento do tiroteio em Aguiar da Beira, no distrito da Guarda, em que um militar morreu e outro ficou ferido. Um dos suspeitos está a monte.

Através do Facebook, a GNR partilhou o apelo, pedindo a especial atenção dos populares para pessoas estranhas e situações suspeitas. Recomendam ainda que a Estrada Nacional 326, que faz a ligação entre São Pedro do Sul e Arouca, não seja utilizada.

Esta terça-feira de madrugada, durante uma normal operação de patrulhamento, dois militares foram atingidos a tiro. Mais tarde, durante as buscas, as autoridades encontraram no local mais duas vítimas civis: uma gravemente ferida e outra já morta. Embora ainda não tenha sido oficialmente confirmada a ligação entre ambos os casos, as autoridades admitem que existe uma “forte probabilidade” de conexão.