Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Há novas buscas e novos arguidos no caso BES

  • 333

tiago miranda

O número de arguidos constituídos sobe para onze, esclarece a Procuradoria-Geral da República

No âmbito das investigações relacionadas com o “Universo Espírito Santo”, a Procuradoria-Geral da República (PGR) esclarece que foram realizadas buscas “a três domicílios, a um escritório de advogados e às instalações de quatro sociedades, localizadas em Lisboa, Porto e Torres Vedras”.

Numa nota para a comunicação social enviada esta quarta-feira, a PGR adianta que foram constituídos, até à data, “onze arguidos, nove pessoas singulares e duas coletivas”.

Até agora eram conhecidos sete arguidos: o antigo presidente do BES, Ricardo Salgado, Isabel Almeida, antiga diretora das finanças, António Soares, da BES-Vida, José Castella, responsável pelas finanças do GES, Pedro Luís Costa, Cláudia Boal de Faria, e , desde outubro do ano passado, Amílcar Morais Pires, que era o braço direito de Salgado.

A nota da PGR não identifica os restantes arguidos, referindo que “em causa estão suspeitas da prática de crimes burla qualificada, falsificação de documento, falsidade informática, fraude fiscal, infidelidade, abuso de confiança, branqueamento e corrupção no sector privado”.

(Atualizado às 20h42)