Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Detido no Brasil suspeito do triplo homicídio em Portugal

  • 333

Trata-se do homem suspeito de matar três mulheres brasileiras em Tires. Dinai Alves Lopes, namorado de uma das três vítimas, foi detido pela Polícia Federal. Pode ser condenado a 99 anos de prisão

Hugo Franco

Hugo Franco

Jornalista

A Polícia Federal (PF) prendeu na manhã desta segunda-feira o cidadão brasileiro suspeito de assassinar Thayane Milla Mendes Dias, de 21 anos, e as irmãs Michele Santana Ferreira, de 28, e Lidiane Neves Santana, de 16, em Portugal.

A notícia está a ser avançada pela imprensa brasileira. Segundo o jornal "Estado de Minas", Dinai Alves Gomes será agora encaminhado para a Penitenciária Nelson Hungria, uma prisão de segurança máxima de Minas Gerais. O jornal garante que o suspeito pode ser condenado a 99 anos de prisão.

As três mulheres foram encontradas mortas há quase duas semanas numa quinta em Tires, Cascais. Maria Aparecida, cunhada de Michelle, desaparecida desde fevereiro disse, em declarações à Sic Notícias, que ficou surpreendida com a confissão do crime e que a cunhada "chegou a comentar com uma amiga que se engravidasse" seria morta pelo companheiro.

As três jovens deixaram de contactar as famílias desde o início de fevereiro. Dinai Alves Gomes, namorado de Michelle Ferreira, regressou ao Brasil e contou que as três raparigas tinham viajado para Londres para trabalhar. Mas a falta de contactos com o Brasil fez levantar as suspeitas entre os familiares, que se queixaram às autoridades.

A 26 de agosto, os inspetores da Polícia Judiciária encontraram os corpos das vítimas em Tires. E na última terça-feira, os cadáveres começaram a ser analisados pelo Instituto de Medicina Legal.