Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Governo lembra “o contributo de Maria Isabel Barreno para a mudança da sociedade portuguesa”

  • 333

Alfredo Rocha

Eduardo Cabrita, ministro adjunto responsável do executivo socialista para a igualdade de género, reagiu em nome do governo à morte de Maria Isabel Barreno

O ministro adjunto Eduardo Cabrita, que tutela, no Governo, a igualdade de género, considerou hoje a morte de Maria Isabel Barreno “uma perda irreparável para a cultura portuguesa e a luta pela igualdade de direitos entre mulheres e homens”.

“Maria Isabel Barreno foi uma notável investigadora social, uma escritora de causas e uma lutadora pelos direitos das mulheres”, sustenta o ministro Eduardo Cabrita numa nota enviada à agência Lusa.

Para o governante, “neste momento de tristeza, a melhor homenagem será lembrar o contributo de Maria Isabel Barreno para a mudança da sociedade portuguesa e dar continuidade ao combate pela igualdade de direitos entre mulheres e homens no trabalho, na vida familiar e na participação cívica e política.