Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Capoulas Santos. “Produtores de leite merecem todo o apoio do Governo”

  • 333

MANUEL ALMEIDA/LUSA

Solidário com o sector, o ministro da Agricultura realça a significativa quebra dos preços do leite nos últimos meses e defende a reposição do regime de quotas na União Europeia

O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, considera que os produtores de leite merecem todo o apoio do Governo, realçando a significativa quebra dos preços nos últimos meses e defendendo a reposição do regime de quotas na União Europeia.

"Eu conheço os produtores de leite, e eles conhecem-me. Sabem que sempre estive ao seu lado e sabem que sempre me bati pela defesa de um sector que é talvez aquele que exige maior esforço e maior penosidade, já que se trata de um sector em que se trabalha 24 horas por dia, todos os dias do ano. As vacas são ordenhadas pelo menos duas vezes em cada 24 horas", afirmou esta terça-feira à Lusa o governante.

"É um sector que merece todo o apoio do Governo e merece que o Governo português se bata em Bruxelas por uma das reivindicações que o Governo mais subscreve, que é a necessidade de repor o regime de quotas leiteiras na União Europeia", destacou Capoulas Santos.

"A União Europeia tomou uma decisão errada, de pôr fim ao regime de quotas, e, ao fazê-lo libertou todo o potencial de produção da Europa, provocou o aumento da oferta e quando numa economia de mercado há um aumento da oferta, os preços baixam", assinalou.

Segundo o ministro, "é necessário voltar ao regime de quotas. Infelizmente, a Comissão Europeia tem vindo a recusar essa hipótese, porque existe ainda uma maioria de Estados-membros que se opõem a essa possibilidade".

E acrescentou: "De qualquer modo, eu tenho esperança de que 'água mole em pedra dura tanto bate até que fura', e tenho assistido nos últimos nove meses a mudanças de posição muito importantes no Conselho de Ministros da Agricultura da União Europeia, e estou convencido de que mais tarde ou mais cedo qualquer mecanismos de reposição dos limites de produção terá de ser adotado na Europa, se a Europa quiser salvar o seu sector leiteiro".

Num dia em que várias dezenas de tratores participam esta manhã, a partir das 10h30, na marcha lenta de produtores de leite e carne, a realizar na Estrada Nacional (EN) 109, entre Ovar e Estarreja, que exigem melhores preços e o regresso das quotas leiteiras, Capoulas Santos transmitiu uma "mensagem de solidariedade e apoio aos produtores e a certeza que o Governo está a fazer tudo o que pode para lhes transmitir algum apoio".

O governante realçou ainda que "nenhum outro Estado-membro adotou um pacote de apoio semelhante àquele que Portugal está a adotar para ajudar os seus produtores".