Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Câmara de Lisboa abriu parque de estacionamento na Graça com 127 lugares pagos

Em outubro haverá mais lugares. Zona está atualmente em obras

Depois dos protestos dos moradores com a perda de lugares de estacionamento devido às obras na Graça, um dos bairros históricos de Lisboa, a Câmara anunciou a abertura imediata de um parque de estacionamento com 127 lugares.

Mais de metade dos lugares - 67 - está localizada no quartel dos bombeiros. Os outros 60 situam-se no pavilhão polidesportivo e são subterrâneos. Ambos destinam-se a residentes e comerciantes e o preço mensal, segundo o presidente da Câmara, é de €30 - e cobre o período de 24 horas por dia.

Fernando Medina, que preside à Câmara, diz ainda que haverá mais 120 novos lugares a partir de outubro, que estarão localizados na antiga fábrica da Favorita.

A cidade encontra-se atualmente em obras em diversos pontos, sendo a questão do estacionamento uma das que têm levantado mais reservas. A oposição camarária já contestou o timing das obras e o facto de se realizarem todas praticamente em simultâneo - há críticas de “eleitoralismo”, porque as intervenções estarão finalizadas antes das próximas autárquicas. A Câmara contesta as acusações e diz que o facto de as obras só se realizarem agora deve-se ao lançamento dos concursos e à elaboração dos projetos de intervenção, factos que, segundo a autarquia, implicaram um período de cerca de dois anos.