Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

“Visão” e “Caras” com novas diretoras

  • 333

Mafalda Anjos, na “Visão”, e Natalina de Almeida, na “Caras”, substituem respetivamente João Garcia e Fernanda Dias na direção das revistas do grupo Impresa

O grupo Impresa, proprietário do Expresso, anunciou esta tarde num comunicado interno a mudança de direção em duas das revistas do seu portefólio, a "Visão" e a "Caras".

De acordo com as informações avançadas pelo grupo, a jornalista Mafalda Anjos, até agora diretora-adjunta da "Visão", assumirá o cargo de diretora da newsmagazine a partir do próximo dia 1 de setembro, sucedendo assim no cargo a João Garcia. Rui Tavares Guedes continuará a integrar a nova direção da revista.

A mudança ocorre na sequência da saída do jornalista João Garcia da direção da "Visão" e do grupo Impresa, onde assumiu ao longo dos últimos anos, funções nas direções editoriais do Expresso e do "Courrier Internacional". No comunicado divulgado, o grupo Impresa agradece a João Garcia "toda a sua dedicação, profissionalismo e amizade, demonstrados ao longo de vários anos,"

Mafalda Anjos

Mafalda Anjos

DR

Diretora-adjunta da "Visão" desde junho de 2015, Mafalda Anjos, licenciada em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, conta no seu percurso com passagens pelas revistas “Exame” e “Focus” e pelo jornal “Semanário Económico”, de onde saiu para ser editora da Revista do Expresso, cargo que ocupou durante sete anos.

Nas revistas "Caras" e "Caras Decoração", o cargo de diretora passará a ser assumido por Natalina de Almeida, que substituirá Fernanda Dias a partir de dia 1 de agosto.

Natalina de Almeida

Natalina de Almeida

Alfredo Rocha

Natalina de Almeida era já editora-executiva da "Caras" desde 2006 e contou antes com passagens pelas revistas “Ego”, “Mulher Moderna”, “Ana”, “A Próxima Viagem”, “VIP”, “Nova Gente” e “Happy Woman”.

Também no caso de Fernanda Dias, a administração da Impresa agradece a " dedicação, empenho e paixão que sempre colocou nos diversos projetos em que participou e liderou enquanto publisher".