Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Mulher atirou-se ao rio com filho de seis anos em Barcelos

  • 333

Incidente aconteceu esta sexta-feira em Barcelos, na ponte de Santa Eugénia. A criança continua desaparecida e a mãe está a ser assistida no hospital de Braga, depois de ter sido resgatada do rio Cávado

Uma mulher, de 37 anos, atirou-se esta sexta-feira, ao começo da tarde, ao rio Cávado, em Barcelos, com o filho de seis anos ao colo. Segundo o INEM, a mãe foi resgatada inconsciente. A criança continua desaparecida.

A mulher foi transportada para o hospital de Braga, confirmou ao Expresso a GNR de Barcelos. Não corre perigo de vida, apesar das informações inciais darem conta de que estaria em estado grave, acrescenta fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Braga.

As versões sobre quem terá procedido ao salvamento da mulher diferem. O Comando Distrital de Operações de Socorro de Braga aponta que foram os bombeiros, mas a GNR informa terem sido populares num barco que estavam a passar pelo local.

O pai da criança, que está em estado de choque, esteve no local, onde foi assitido pela equipa de psicólogos do INEM. Entretanto, já não se encontra junto à ponte.

Segundo a agência Lusa, os bombeiros instalaram uma rede no rio Cávado, junto à ponte medieval de Barcelos. “A ideia é tentar impedir a passagem da criança”, explicou o adjunto do comando dos Bombeiros Voluntários de Barcelos.

A familía vive em Barcelos, próximo do local onde aconteceu a tragédia.

As buscas no local continuam e estão presentes os uma equipa de mergulhadores, os Bombeiros de Barcelos e Barcelinhos, bem como a GNR e o INEM. As autoridades foram alertadas pelas 12h41.

[Notícia atualizada às 16h30]