Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Três falsificadores detidos com as mãos no molde de notas de €500

  • 333

Polícia Judiciária deteve, esta terça-feira, em flagrante delito três homens suspeitos de contrafação de moedas e notas. Na operação 'Euro 500' foi apreendida uma inovadora impressora 3D de alta precisão

Isabel Paulo

Isabel Paulo

Jornalista

A Polícia Judiciária deteve no Norte do país um informático de 20 anos, um vendedor de 57 e um artesão de 58, suspeitos da prática de vários crimes de contrafação de papel moeda e moeda metálica.

No âmbito de uma investigação em curso há vários meses, a PJ efetuou esta manhã buscas em diversas zonas do país, tendo apreendido uma impressora 3D, equipamento classificado como “inovador e de grande precisão na execução das caraterísticas das notas”.

Em comunicado, a Judiciária avança que no momento em que foram detidos os alegados falsificadores estavam a criar o molde de uma nota de 500 euros, que seria utilizado na produção de notas falsas.

Na operação denominada 'Euro 500', além de moeda falsa foram ainda apreendidas anilhas e punções com moldes de dois euros, bem como maquinaria e prensas utilizadas na cunhagem.

Os suspeitos, todos com antecedentes criminais por contrafação, vão ser hoje presentes a interrogatório judicial.