Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Fernanda Câncio. “A detenção de Sócrates foi um enorme choque para mim”

  • 333

Rui Ochôa

Num esclarecimento publicado esta quarta-feira na revista “Visão”, a jornalista diz ser alvo de uma “campanha de calúnias” e que nunca teve motivos para suspeitar da relação pecuniária entre José Sócrates e Carlos Santos Silva

Fernanda Câncio escreve esta quarta-feira na “Visão” que nunca suspeitou de relação pecuniária entre José Sócrates e o empresário Carlos Santos Silva. Num esclarecimento publicado na revista, a jornalista confessa ainda que a detenção de Sócrates foi um “enorme choque” e que pensava que o apartamento alugado pelo ex-namorado em Paris pertencia a franceses.

“A detenção de JS e CSS, em novembro de 2014, foi um enorme choque para mim. Não apenas porque não via motivos para eta ocorrer, mas também porque só soubera da possível existência de uma investigação através da revista“ Sábado”, em agosto de 2014”, explica Fernanda Câncio.

“Nunca tive conhecimento nem motivos para suspeitar da relação pecuniária entre CSS e JS que os dois assumiram na sequência da detenção”, acrescenta a jornalista, referindo-se aos empréstimos concedidos pelo empresário ao antigo primeiro-ministro e ao pagamento de férias em que Fernanda Câncio também participou.

Afirmando que era do conhecimento geral que a família de Sócrates tinha uma “fortuna” e que Sócrates recebia 25 mil euros por mês, alega por isso que não havia razões para questionar a origem do dinheiro.

“Conheço pessoalmente JS desde 1998 e conhecia partir de 2000 a família alargada, verificando que todos viviam com desafogo. (...) Quando alguém próximo faz um convite para passar férias nao é costume perguntar se é a pessoa que nos convida que paga ou se é outra, como quando nos convidam para jantar ou almoçar não perguntamos de onde vem o dinheiro.”

Lamenta ainda ser alvo de uma “campanha de calúnias” que diz ter como objetivo destruir a sua reputação pessoal e profissional . “É uma calúnia que publicações e o canal do grupo Cofina, assim como o Sol, refiram ou sugiram sistematicamente que estou incluída num 'grupo de mulheres' que seriam sustentadas por JS e CSS.”

Sobre a alegada intenção de comprar um apartamento com Sócrates, Fernanda Câncio assegura que nunca chegou a visitar o espaço. “Liguei a perguntar, por curiosidade, quando o edifício foi renovado e os andares ficaram à venda; mas, ao contrário do que se quer fazer, nunca sequer o visitei.”