Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Detidos dois suspeitos do tiroteio que provocou cinco feridos na Ameixoeira

  • 333

Há uma semana, três agentes da Polícia de Segurança Pública (PSP) e duas mulheres civis foram baleados durante confrontos entre famílias rivais no bairro da Ameixoeira, na Alta de Lisboa

A Polícia Judiciária (PJ) deteve dois homens suspeitos do tiroteio que ocorreu há uma semana na Ameixoeira, na zona da Alta de Lisboa, e provocou ferimentos em três polícias e duas mulheres, disse esta terça-feira à agência Lusa fonte policial. Os dois homens foram detidos esta segunda-feira e serão agora presentes a primeiro interrogatório judicial para aplicação de eventuais medidas de coação.

Há uma semana, três agentes da Polícia de Segurança Pública (PSP) e duas mulheres civis foram baleados durante confrontos entre famílias rivais no bairro da Ameixoeira, na Alta de Lisboa.

Em comunicado, a PJ adianta que os suspeitos, de 24 e 42 anos, foram detidos "por fortes indícios" da prática de crimes de homicídio na forma tentada. "Os factos foram cometidos, cerca das 20h, quando os presumíveis autores, na sequência de conflitos antigos mantidos entre as famílias de ambos, efetuaram vários disparos na via pública, os quais vieram a atingir e ferir três elementos da Polícia de Segurança Pública que tinham acorrido ao local, bem como duas outras pessoas", explicou a PJ.

Os feridos, com idades entre os 30 e 42 anos, foram transportados para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa.

Dois dos polícias tiveram alta hospitalar durante a semana passada, enquanto o terceiro agente policial regressou a casa esta segunda-feira, disse esta manhã à Lusa fonte da PSP. As duas mulheres continuam internadas.

A Inspeção-Geral da Administração Interna anunciou, entretanto, a abertura de um inquérito para apurar "todos os factos" relacionados com o tiroteio ocorrido no bairro da Ameixoeira.

  • Vídeo mostra momentos de tensão durante tiroteio no bairro da Ameixoeira

    Cinco pessoas, incluindo três agentes da PSP, ficaram feridas terça-feira à noite num tiroteio na Ameixoeira, em Lisboa. Distúrbios começaram ainda durante o dia. Imagens a que a SIC teve acesso foram registadas por um morador e dão conta dos momentos de tensão que se viveram ao final da tarde. São audíveis os tiros disparados e também a confusão que se seguiu

  • O filme de uma noite de tiroteios e rusgas na Ameixoeira

    Dois dos agentes atingidos terça-feira à noite no bairro da Ameixoeira, em Lisboa, já tiveram alta. O terceiro agente e as duas mulheres civis, também atingidos, foram submetidos a cirurgias e estão livres de perigo. Até ao momento não há detenções a registar. A PSP fez várias rusgas durante a noite mas o suspeito já identificado continua a monte