Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Bragança acolhe cirurgia inédita em Portugal

  • 333

O serviço de Ortopedia de Macedo de Cavaleiros foi escolhido para uma cirurgia pioneira no país. A operação envolve uma prótese para o tornozelo desenvolvida com recurso a tecnologia 3D

A Unidade Local de Saúde (ULS) do Nordeste anunciou esta terça-feira que vai ser realizada na região uma cirurgia "inédita a nível nacional". A cirurgia envolve "uma prótese inovadora para o tornozelo", com recurso a tecnologia 3D.

A prótese que irá ser colocada pela primeira vez num paciente "diferencia-se de todas as outras pelo facto de ser criada a partir de um modelo 3D (três dimensões) do tornozelo onde a mesma vai ser implantada", como explicou a unidade de saúde em comunicado.

A conceção da prótese tem, segundo ainda a explicação, "por base uma TAC - Tomografia Computorizada - efetuada previamente ao membro do doente a operar". "Esta técnica permite uma precisão maior ao nível da intervenção cirúrgica comparativamente com a técnica convencional, tendo em conta que é realizada com recurso ao alinhamento por referências anatómicas e por controlo visual", informaram os responsáveis pela operação.

Esta nova prótese apresenta assim "ganhos efetivos em saúde para o doente intervencionado, traduzindo-se numa clara melhoria da sua qualidade de vida".

A intervenção cirúrgica está marcada para a próxima quarta-feira, no Serviço de Ortopedia do Hospital de Macedo de Cavaleiros, que integra esta unidade de saúde do distrito de Bragança, e que se tem destacado no país e a nível internacional pelo desenvolvimento de próteses para tratamento de patologias relacionadas com a idade avançada.

Uma multinacional da área da ortopedia escolheu a equipa de Macedo de Cavaleiros para mostrar a profissionais de outros países a técnica da aplicação de uma prótese do joelho que resolve o problema da artrose provocada pelo desgaste da articulação devido à idade. O serviço ambiciona "evoluir para uma academia com centro de treino e formação de cirurgias do joelho para especialistas".

A experiência da Ortopedia de Macedo de Cavaleiros, que realiza em média por ano 250 artroplastias do joelho, já serviu também para a evolução dos aparelhos melhorados com os contributos da equipa local composta por cerca de 60 profissionais, onze dos quais são cirurgiões.