Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Listas de devedores da Segurança Social vão voltar

  • 333

CGTP, UGT e Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas apoiam o regresso da medida, que consta no Orçamento do Estado para 2016

Envergonhar para receber. Segundo o "Jornal de Notícias" desta quinta-feira, a Segurança Social vai voltar a publicitar a lista de devedores. Esta medida, que estava suspensa desde 2013, consta da proposta de Orçamento do Estado para 2016 e reúne o apoio da Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas (OTOC), da CGTP e da UGT.

"A suspensão serviu para branquear certas empresas", afirma Domingos Azevedo, bastonário da OTOC, ao matutino. Em 2014, a dívida bruta à Segurança Social era de dez mil milhões de euros; mas caso se considerasse só a dívida que estava em condições ser cobrada, o valor era de 3,9 mil milhões de euros.

"É uma questão de transparência e de pressão sobre os devedores para que paguem o que devem", defende Eugénio Rosa, economista da CGTP.

Em 2015, o ex-primeiro-ministro Pedro Passos Coelho esteve envolvido numa polémica com a Segurança Social, devido a ter acumulado dívidas durante cinco anos. Só após ter sido noticiada a situação é que Passos foi regularizar as suas contas.