Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Campo Maior. Identificado dono de cavalos envolvidos em acidente mortal

  • 333

O acidente, que fez um morto e quatro feridos, ocorreu esta madrugada, quando um automóvel em que seguiam cinco pessoas colidiu com dois cavalos, na estrada entre Elvas e Campo Maior. As vítimas residiam em Elvas e deslocavam-se para o trabalho

A GNR já identificou o dono dos cavalos envolvidos no acidente rodoviário desta sexta-feira em Campo Maior, Portalegre, de que resultou um morto e quatro feridos. De acordo com a agência Lusa, o proprietário dos cavalos reside em Campo Maior, no distrito de Portalegre, e foi identificado após várias diligências realizadas pelos militares da região.

O acidente ocorreu de madrugada, quando o automóvel em que seguiam cinco pessoas colidiu com dois cavalos na estrada entre Elvas e Campo Maior. As vítimas, residentes na cidade de Elvas, deslocavam-se para o trabalho, numa fábrica na vila vizinha de Campo Maior.

Segundo a GNR, a vítima mortal é um jovem de 27 anos que conduzia o veículo e cujo óbito foi declarado no local. Entre os quatro feridos contam-se a mãe, de 47 anos, que ficou em estado grave e foi transferida de helicóptero para o Hospital de São José, em Lisboa.

O pai da vítima mortal, de 47 anos, sofreu ferimentos ligeiros e foi transportado para o Hospital de Santa Luzia, em Elvas, assim como os outros dois sinistrados, um considerado grave, de 32 anos, e outro ligeiro, de 25, referiu à Lusa a fonte da Guarda.

Contactado pela Lusa, o porta-voz da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA), Ilídio Pinto Cardoso, adiantou que um dos três feridos que se encontrava no hospital de Elvas também foi transferido, durante a manhã, para o Hospital de São José, para o serviço de neurocirurgia.

A mesma fonte acrescentou que um outro ferido continua em observação no hospital de Elvas e outro já teve alta hospitalar. O acidente ocorreu na Estrada Nacional 373, tendo o alerta sido dado às 5h05. Os dois cavalos envolvidos no desastre morreram.

As operações de socorro mobilizaram 34 operacionais das corporações de bombeiros de Campo Maior e Elvas, uma viatura de Suporte Imediato de Vida (SIV), de Elvas, uma Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) de Portalegre, um helicóptero do INEM e a GNR da região.