Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

E o vídeo mudou!

  • 333

d.r.

Este aparelho é capaz de substituir com eficácia sistemas de estabilização complexos de vários milhares de euros. Tudo num produto que pesa, incluindo câmara, cerca de meio quilo. O resultado? Este é um daqueles casos em que “é preciso ver para crer”

De vez em quando experimentamos um daqueles gadgets que podem mudar por completo o mercado e dar início a uma nova geração de produtos. Foi, por exemplo, o caso do primeiro iPhone. E é, sem dúvida, o caso desta câmara. Pode parecer um exagero, pode demorar algum tempo, mas o Osmo vai ficar na história. Numa época onde os smartphones são, cada vez mais, o centro das nossas vidas digitas, já não faz muito sentido adquirir uma câmara dedicada. A DJI percebeu isso muito bem quando criou este aparelho, que traz uma clara mais-valia relativamente aos smartphones, ao mesmo tempo que os usa como centro de controlo. É o smartphone que usamos para controlar a câmara via app.

Parece um tripé

A estabilização tem uma eficiência nunca antes vista num sistema “de mão”. É fácil, por exemplo, descer umas escadas a passo acelerado e obter um vídeo que parece ter sido criado com carris. Como é compacto, o Osmo permite evitar grandes produções. Em reportagens de desporto ou relacionadas com conflitos, esta câmara vai ser revolucionária pela mobilidade que oferece. Mas também os amadores vão poder fazer planos nunca antes possíveis quando, por exemplo, gravarem os primeiros passos ou os primeiros passeios de bicicletas dos filhos. Até porque o preço é perfeitamente acessível – não é mais caro do que uma boa handycam.

A qualidade de construção é assinalável. O que se vê perfeitamente no sistema de fixação do smartphone, que se adapta a praticamente qualquer terminal. É o smartphone que funciona como visor do que a câmara está a captar. O que acontece em tempo real. A app inclui uma série de funcionalidades relacionadas com a configuração da câmara e controlo apurado dos parâmetros da exposição. Como, aliás, já acontecia nos drones Inspire 1 e Phantom 3 Professional.

Câmara de drone

A câmara do drone Inspire 1 (Zenmuse X3) é compatível com o Osmo, o que significa que os utilizadores deste quadricóptero podem poupar dinheiro e adquirir apenas o Handle Kit (sem câmara) por €299. Mas o contrário não é verdade: não é possível usar a câmara do Osmo no Inspire 1 devido a diferenças de construção.

Os comandos estão ao alcance dos dedos. Como o polegar podemos iniciar/parar a gravação de vídeo, fazer fotos e controlar o movimento da câmara através de um stick progressivo (velocidade variável). Melhor ainda é a funcionalidade do gatilho controlável pelo indicador: quando pressionado, a câmara mantém a orientação, o que permite fazer movimentos mantendo o motivo na imagem; dois toques consecutivos recentram a câmara; e três toques fazem a câmara rodar 180 graus (bom para selfies).

Em suma, a eficiência de estabilização pode ser descrita como incrível e a qualidade do vídeo permite uma utilização profissional.

FICHA TÉCNICA

DJI Osmo

€749

Em Iservices

Sensor: CMOS 2/3 12,4 MP

Objetiva: f2.8 (equivalente. 35 mm) com 94º de amplitude

Vídeo: 4K (24/25 fps), 1080p (50 fps), 720p (120 fps)

Sensibilidade à luz: ISO 100-3200

Foto contínua: 7 imagens por segundo

Formatos: MPEG 4 AVC, H.264, JPEG, RAW

Conectividade: Wi-Fi ○ Micro SD

Estabilizador: Gimbal de três eixos