Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Marques Mendes elege as suas figuras e acontecimentos do ano

  • 333

António Costa é a figura do ano na área da política e o "ressurgimento" do Bloco de Esquerda é o acontecimento. Na área da economia, o eleito é Carlos Costa, governador do Banco de Portugal, e o acontecimento, que ainda não aconteceu, mas ele prevê que venha a acontecer, é chegarmos ao fim de 2015 com o défice abaixo dos 3%

Helena Bento

Jornalista

Marques Mendes considerou que casos como o da morte do jovem de 29 anos no Hospital de São José revelam "um problema de organização e coordenação de meios", e não um "problema financeiro".

Marques Mendes, que falava no seu espaço de comentário habitual na SIC, criticou ainda "o excessivo e chocante aproveitamento político" que foi feito da situação.

Sobre a venda do Banif ao Santander Totta, Marques Mendes disse que "ainda há muito para explicar", tanto por parte do anterior governo, como do atual, e sugeriu que seja feita uma auditoria externa independente. "Fazer um inquérito parlamentar é correto, mas do meu ponto de vista não chega", disse.

O comentador aproveitou também para esclarecer alguns aspetos relativos ao acordo entre o FC Porto e a MEO, nomeadamente que o contrato entre o clube e a empresa vai permitir que os jogos sejam transmitidos em todo o mundo, e não apenas em Portugal, que a MEO vai "provavelmente" criar um novo canal de desporto, uma "espécie de Sport TV", e que num futuro próximo "vão ser feitos novos acordos e novos contratos".

Convidado a escolher a figura e acontecimento do ano nas várias áreas, Marques Mendes elegeu António Costa como figura do ano na área da política e o "ressurgimento" do Bloco de Esquerda como o acontecimento. Na área da economia, a figura do ano para Marques Mendes é Carlos Costa, governador do Banco de Portugal, e o acontecimento, que ainda não aconteceu, mas ele prevê que venha a acontecer, é chegarmos ao fim do ano com o défice abaixo dos 3%.

Na área do desporto, o "galardão" vai para Jorge Jesus, que o comentador considera ter sido a figura do ano, e para Cristiano Ronaldo, que é só um mas o suficiente para ter sido o acontecimento do ano. Angela Merkel é a figura do ano a nível internacional e o acontecimento são os atentados de paris de 13 de novembro. Na cultura, Marques Mendes elegeu o realizador Leonel Vieira na primeira categoria, e, na segunda, a inauguração do novo Museu dos Coches.