Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Madeira, a joia do Atlântico

  • 333

A ilha é um paraíso de paisagens e experiências. Um novo portal online promete ajudar a descobri-las

A Madeira tem um novo cartão de visita online. Chama-se Discovering Madeira e propõe uma experiência turística alternativa para quem procura mais do que as tradicionais caminhadas pelas levadas ou as descidas em carros de cesto no Funchal. Os segredos mais bem escondidos e inesperados da pérola do Atlântico estão agora ao alcance de um clique.

Mentora do projeto, Rita Galvão, 43 anos, apresenta-se como a anfitriã do arquipélago que a viu nascer. Comunicadora por natureza, deixou-se levar pelo sonho de montar o seu próprio negócio. Mudou de vida, sem grandes receios, depois de oito anos dedicados ao Instituto do Vinho, do Bordado e do Artesanato madeirense, através do qual deu a conhecer os produtos regionais em inúmeros eventos vitivinícolas internacionais que procura agora replicar na sua ilha. Durante esse período, Rita manteve sempre “os olhos postos no sector privado” à espera do momento certo para dar o salto. Concluído o curso de Comunicação Social em Lisboa, Rita enveredou pelo turismo. “Era definitivamente uma área a explorar, uma vez que os madeirenses sempre apostaram nos recursos turísticos do arquipélago, dando a conhecer ao mundo as maravilhas do território”, afiançou a empreendedora.

A ideia de criar um sítio de internet agregador de vários parceiros turísticos locais surgiu em 2013. O portal oferece informações sobre a ilha da Madeira, bem como a possibilidade de reservar hotel e comprar experiências antecipadamente. Por cada experiência vendida no portal, o Discovering Madeira recebe uma comissão das empresas envolvidas no negócio. Rita quer ser líder em marcações online no mercado local e para isso conta com uma rede que envolve cerca de 60 parceiros turísticos.

Os belíssimos balcões do Reid’s Palace são palco de um ritual do chá que se cumpre diariamente 
e à mesma hora

Os belíssimos balcões do Reid’s Palace são palco de um ritual do chá que se cumpre diariamente 
e à mesma hora

Ao consultar o portal, o cliente encontra propostas para umas férias perfeitas em família, escapadelas românticas ou passeios pela ilha em harmonia com a natureza. As propostas são inovadoras porque promovem o turismo ativo, que tem vindo a crescer na Madeira nos últimos anos, mas ainda não atrai muitos turistas ao arquipélago. “Ao revelarmos uma Madeira voltada para um turismo mais ativo, vamos buscar uma faixa etária mais jovem”, entre os 25 e os 50 anos que procura experiências alternativas, explicou Rita.

As estreitas ligações da empreendedora ao vinho da Madeira trouxeram à luz outro projeto, o Madeira Wine Tours, também disponível no site. Com o vinho por protagonista, os clientes rendem-se às provas no meio de uma vinha, no interior de uma antiga adega ou no Armazém do Mercado, no centro do Funchal. Sempre com direito a explicação detalhada sobre as origens do vinho da Madeira, as castas autóctones (Tinta Negra, Malvasia e Bual) e os mais de 500 anos da sua História.

Lá fora, há um mundo à espera de ser descoberto. A pé, nas praias de seixos na Faja dos Padres

Lá fora, há um mundo à espera de ser descoberto. A pé, nas praias de seixos na Faja dos Padres

As provas podem ser acompanhadas de uma seleção de chocolates, sushi ou queijos, ou apenas de uma paisagem de cortar a respiração. É o caso de um dos locais mais bem guardados da ilha, a Fajã dos Padres, com produção própria do Madeira a partir de vinhas originais de Malvasia. Este lugar, de localização privilegiada no sopé de uma escarpa com 250 metros, afigura-se inesquecível, e dá direito a uma boa conversa na adega com o anfitrião e produtor Mário Jardim Fernandes, ou um almoço no restaurante.

Aventura e repouso de mãos dadas

A Madeira é uma ilha de origem vulcânica, com 742,4 km², flora exótica e clima subtropical. É conhecida pelos 15 mil hectares de floresta laurissilva nos vales a norte da região autónoma, a maior superfície do mundo, classificada Património Natural da Humanidade pela UNESCO em 1999. Além dos trilhos para caminhadas na montanha — as levadas —, a exuberante floresta esconde locais ideais para a prática de canyoning, um desporto que desafia os praticantes a explorarem uma ribeira ou um curso de água. Os menos aventureiros mas igualmente apaixonados pela natureza podem optar por um passeio em semirrígido com a Rota dos Cetáceos. Uma equipa de biólogos marinhos explica tudo sobre as populações de golfinhos dos mares do arquipélago. Com alguma sorte, é possível nadar com estes mamíferos marinhos. Uma vez em terra, em algumas horas percorre-se o Funchal num Tukxi ecológico que tão depressa se embrenha nas estreitas vielas da zona histórica como sobe aos miradouros que oferecem panoramas deslumbrantes sobre a cidade.

ou de Tukxi, nas ruas do Funchal

ou de Tukxi, nas ruas do Funchal

O descanso estará garantido à mesa do Il Gallo d’Oro, galardoado desde 2009 com uma estrela Michelin. A carta, requintada e criativa, foi pensada pelo chefe francês Benoît Sinthon. Noutra mesa, a do Reid’s Palace, saboreia-se uma seleção de 24 chás e de iguarias regionais, uma tradição britânica que o famoso hotel madeirense oferece diariamente, das 15h às 17h30. Uma verdadeira tea party à inglesa!

A experiência só ficará completa com uma noite no The Vine, um moderno hotel no centro do Funchal agraciado com o prémio World’s Leading Design Hotel. A piscina com vista panorâmica, o restaurante Uva e o spa fazem desta unidade hoteleira a escolha perfeita.