Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Como vinho para bacalhau e Porto para chocolate

  • 333

Mario Joao

Chama-se apropriadamente 'Bacalhau' o vinho testado por escanções e gastrónomos para harmonizar a consoada na noite em que o fiel amigo é o rei da mesa. Para acompanhar chocolates é mais Vinho do Porto, versão LBV ou Vintage no caso dos negros

Isabel Paulo

Isabel Paulo

Jornalista

O enólogo Paulo Laureano andou a matutar qual seria o melhor vinho para acompanhar o peixe dos peixes, crónico amigo dos portugueses em múltiplas versões, do típico Bacalhau à Brás natalício simplesmente cozido.

Para encontrar a resposta sobre o vinho ideal para harmonizações com pratos de bacalhau da Noruega, o enólogo alentejano reuniu durante dois dias de provas intensas mais de duas dezenas de escanções, jornalistas do setor vínico, gastrónomos e chefes reputados, como Vítor Sobral, Hélio Loureio ou Henrique Sá Pessoa, para resolver o dilema.

A fórmula perfeita foi descoberta após terem sido testados quatro vinhos brancos e quatro tintos de várias regiões vinícolas portuguesas, cruzados com diversas pratos de bacalhau, tendo a escolha recaído sobre um vinho branco e outro tinto de 2014 de terroirs alentejanos, batizados e à venda com o nome 'Bacalhau'.

“Foram analisadas todas as respostas e eliminaram-se os vinhos com maior discrepância de resultados. Chegou-se a dois, um tinto e um branco, que mostraram a maior consensualidade entre o painel de provadores”, referiu Paulo Laureano a poucos dias da noite em que o bacalhau impera à mesa da maioria das casas portuguesas.

Porto, o vinho que o chocolate adora

No centro histórico da Invicta, no 'Porto Winebar' as harmonizações são outras, feitas ao longo do ano em iniciativas como o Porto Wine Day promovidas Instituto dos Vinhos do Porto e Douro. A centenária autoridade que regula a qualidade e quantidade dos vinhos da região duriense sugere Vinho do orto LBV ou Vintage para degustar com chocolate negro ou negro com recheio de frutos vermelhos.

Para chocolate de leite, simples ou com frutos secos, o ideal são os tawny 10 anos, casando o chocolate branco com um fresco Vinho do Porto Branco.

A casa Symington Family Estates , a produzir vinhos no Douro há cinco gerações, foi ainda mais longe ao desenvolver uma parceria de testes de sabores com a ‘The Flandres Taste Foundation’, na Bélgica, para responder à douta questão da união perfeita entre chocolate e os fortificados vinhos da mais antiga região demarcada do mundo.

Depois de passar pelo crivo da Universidade de Leuven para identificar os componentes dos vinhos do Porto da Quinta Senhora da Ribeira, no Douro Superior, surgiu o Dow´s Nirvana, de textura intensa e toque seco, com aromasma de rosas silvestres e violetas, à medida de um chocolate 64% cacau.