Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Banif quer avançar para os tribunais apesar do pedido de desculpas da TVI

  • 333

Nuno Fox

A instituição está decidida a levar o caso à justiça devido às “notícias infundadas” e que provocaram “danos irreparáveis”

O conselho de administração do Banif garantiu, esta terça-feira, “que tudo fará para fazer valer na justiça os danos irreparáveis causados” ao banco, no seguimento das notícias divulgadas pela TVI durante a noite de domingo.

A instituição financeira acusa a estação de televisão de ter publicado informações de “forma irresponsável e deontologicamente reprovável como sem qualquer preocupação pelo apuramento da verdade”.

O comunicado acrescenta ainda que a publicação de “afirmações erradas” provocaram “graves consequências para a actividade do Banco”.

Apesar do pedido de desculpas público divulgado esta terça-feira pela TVI, o conselho de administração do Banif assegura que está decidido a levar o caso à justiça.

A direção de informação da TVI apresentou um esclarecimento pedindo “desculpas aos seus espectadores, mas também aos acionistas, trabalhadores e clientes do Banif” . No comunicado, a estação admite não ter sido “totalmente precisa e esclarecedora” nas informações divulgadas sobre a instituição financeira.

Durante a noite de domingo, a TVI24 passou em nota de rodapé uma notícia de “última hora” que afirmava “Banif poderá ser intervencionado esta semana”. A estação explicou que na frase não está considerado o cenário de fecho imediato do banco. Contudo, admite que essa informação pode ter sido interpretada “num primeiro momento” pelos espectadores.