Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Combate ao terrorismo. Itália vai dar €500 a cada jovem para gastar em cultura

  • 333

Alessandro di Meo / EPA

O governo italiano vai investir dois mil milhões de euros no combate ao terrorismo, depois dos ataques de Paris. Metade desse valor será investido em Cultura. Incluindo dando cheques a adolescentes para gastar em museus, teatros e concertos

O governo de Matteo Renzi, em Itália, vai avançar com um programa de combate ao terrorismo que inclui, nas medidas preventivas, o envolvimento dos jovens com a cultura do país, de modo a quererem preservá-la no futuro.

Segundo a edição de hoje do jornal "Financial Times", o Executivo italiano vai mobilizar um total de dois mil milhões de euros e ações de combate ao terrorismo. Metade desse valor será aplicado em medidas de segurança e defesa. Os restantes mil milhões de euros serão investidos em programas culturais.

Esse programa será dedicado nomeadamente a bairros de periferia de grandes cidades onde existem problemas de desinserção social. Além disso, serão distribuidos cheques no valor de €500 a jovens de 18 anos, que poderão ser gastos em museus, concertos e teatros. A ideia de Renzi é reforçar o sentimento de estes jocens serem "guardiões" do património cultural italiano.

"Eles imaginam terror, nós respondemos com cultura. Eles destroem estátuas, nós amamos a arte. Eles destroem livros, nós somos o país das livrarias", afirmou o primeiro-ministro italiano, citado pelo Financial Times, referindo-se aos terroristas do Daeshm o autoproclamado Estado Islâmico, que perpretaram os atentados de Paris.

A proposta de Matteo Renzi tem ainda de ser aprovada pelo Parlamento italiano.