Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Morreu a criadora do extraterrestre mais famoso

  • 333

Depois da colaboração em “ET”, Melissa Mathinson e Steven Spielberg mantiveram uma relação de amizade muito próxima

Kevin Winter/ GETTY IMAGES

Melissa Mathinson escreveu o guião de “ET. O Extraterrestre”, obra que lhe valeu uma nomeação ao Óscar de Melhor Guião Original e um lugar na História do cinema

Quem não se lembra da cena em que um extraterrestre verde, esquecido na terra, e um miúdo solitário tocam as pontas dos dedos, num momento que comoveu espectadores por todo o mundo? A cena faz parte do filme de 1982 “ET. O Extraterrestre” e, tal como muitos outros momentos icónicos, foi escrita pela guionista da obra e ex-mulher de Harrison Ford, Melissa Mathinson. Esta quinta-feira Melissa Mathinson morreu, depois de meses a batalhar contra um cancro, e o grande ecrã ficou um bocadinho mais pobre.

Melissa Mathinson contava 65 anos e uma vasta carreira cinematográfica. A argumentista começou por ser assistente de filmes de Francis Ford Coppola, como os célebres “Apocalypse Now” ou “O Padrinho”. Em 1982, a história do extraterrestre que queria voltar ao seu lar trouxe-lhe reconhecimento e uma nomeação da Academia para Melhor Guião Original.

“Um guião que estaria disposto a gravar no dia seguinte”

O realizador da longa-metragem, Steven Spielberg, já reagiu à morte da amiga. Em comunicado, Spielberg recorda que “Melissa tinha um coração que brilhou com generosidade e amor e que brilhava tanto como o coração que deu a ET”.

Já na altura do lançamento do DVD de “ET” Spielberg fazia questão de gabar o trabalho de Mathinson, afirmando que quando leu o guião percebeu que “estaria disposto a gravá-lo logo no dia seguinte”. O resultado de um dos trabalhos que voltou a juntar o realizador e a guionista, um filme baseado num romance do escritor britânico Roald Dahl, vai ser lançado como trabalho póstumo em julho do próximo ano.

A guionista ficou também conhecida por ter sido casada com o ator Harrison Ford, que conheceu no set de “Apocalypse Now”, entre 1983 e 2004. O casal tem dois filhos em comum, Malcolm e Georgia.

Melissa pode ter perdido a batalha contra o cancro, mas uma coisa é certa: dificilmente a cena em que o extraterrestre voava montado numa bicicleta, com a Lua como pano de fundo, desaparecerá da memória de quem a viu... ou da História do cinema.