Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Expresso cresce 5,6% em circulação paga

  • 333

Expresso reforça liderança na imprensa semanal e é o jornal com mais circulação digital paga em Portugal

O Expresso alcançou uma circulação paga acima de 95 mil exemplares, em média, nos primeiros oito meses deste ano. O valor é 5,6% mais elevado do que no mesmo período do ano passado.

Os dados são da Associação Portuguesa de Controlo de Tiragens (APCT), que hoje divulgou o seu relatório relativo ao período entre janeiro e agosto, e que realça o crescimento do Expresso. Desagregando, o Expresso vende mais de 78 mil exemplares da edição impressa, a que se somam perto de 17 mil exemplares de circulação digital paga.

Estes valores reforçam a liderança do semanário Expresso, que é ao mesmo tempo a publicação portuguesa com mais circulação digital paga. Depois do lançamento em 2014 do Expresso Diário, a marca de informação lançou este ano a newsletter diária Expresso Curto, aumentou a presença em redes sociais com novas operações no Whatsapp e Snapchat, e aumentou a audiência do site.

Na informação diária generalista, e somando a circulação paga impressa e digital, as subidas estão no Público (mais 18%, para quase 34 mil exemplares) e no jornal i (mais 12%, para 4,6 mil exemplares). De resto, a liderança pertence ao Correio da Manhã (108 mil exemplares, menos 4%), seguido do Jornal de Notícias (58 mil exemplares, uma quebra de 7%) e do Diário de Notícias (15,2 mil exemplares, menos 8%). O Sol caiu 8%, para 20 mil exemplares.