Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Está aberta a época do cozido

  • 333

Nem só às quintas-feiras e nem só nas tascas há o célebre prato nacional. Lisboa cria e recria o cozido à portuguesa várias vezes por semana

Rosa da Rua

MÁRIO JOÃO

É normal que às quartas e sábados se faça fila neste restaurante de comida portuguesa. Aqui, o dia tradicional do cozido, a quinta-feira, foi substituído e o sábado é um dos dias em que o buffet de carnes, legumes entendidos se estende no espaço. Se sentir um travo doce não se assuste - esta receita tem pera, marmelo e batata doce. €12

Rua da Rosa, 265, Lisboa

Espaço Açores

JOSÉ CARLOS CARVALHO

À sexta e ao domingo, o dia começa mais cedo neste restaurante açoriano em Lisboa. Pelas 6h já a equipa está de pé para começar a preparar o cozido à moda das furnas, sem juntar água e colocando os ingredientes em camadas. Uns fornos elétricos recriam o ambiente das Furnas, em São Miguel, nos Açores, onde o prato é feito debaixo de terra. A morcela açoriana é que faz o molho. (€12,80 meia dose; €17,80 dose completa)

Travessa da Boa Hora à Ajuda, Lisboa

Bastardo

ANA BAIÃO

Às quartas-feiras, os tachos do Bastardo chegam às mesas com cozido. O restaurante que transpira design e modernidade foi buscar a tradicional receita para prato do dia. Como o arroz é um dos pontos fortes da casa, quem não puder ir à quarta pode sempre passar pelo local em qualquer dia da semana - e ao fim de semana é pedir o risoto de abóbora da carta. É uma boa opção antes de entrar no cozido. (€15)

Rua da Betesga 3, Lisboa

A Commenda

O tamanho conta. Ou pelo menos impressiona. O buffet de cozido da Commenda parece interminável, a variedade de carnes e enchidos é aqui acima da média. Ideal para famílias, devido à localização - tem saída direta para o jardim do CCB. Guarde-se para a sobremesa, pois os maccarons feitos na hora são uma tentação. (€24)

Centro Cultural de Belém, primeiro Piso, Lisboa

Rios

Para quem mora na linha Estoril-Cascais, gosta de cozido, boa vista e ambiente requintado, esta é a opção ideal. Num local sofisticado e de frente para o mar, o buffet do cozido abre-se todos os domingos para os apreciadores. Um conselho: antes de se atirar aos potes quentes onde estão as carnes, legumes e enchidos, vale a pena experimentar o caldo. (€18 a refeição, €25 menu completo)

Avenida Marginal de Oeiras