Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Muito sangue novo na ModaLisboa

  • 333

Criação da estilista portuguesa Sara Santos

ANTONIO COTRIM/EPA

Os desfiles da 45ª edição arrancaram ontem com as coleções de Luís Carvalho e Carlos Gil

Cores vivas, cortes rectos, vestidos plissados. Foi assim que o estilista Carlos Gil, que se tornou conhecido por vestir a primeira dama, terminou ontem o primeiro dia de desfiles da 45ª edição da Moda Lisboa. Num dia que ficou marcado por Luís Carvalho, e os seus vestidos fluidos, mas onde onde o destaque vai para duas jovens criadoras.

Este ano, pela primeira vez, houve dois vencedores na categoria Sangue Novo. Sara Santos, 22 anos, e Tânia Nicole, de 24, ganharam o concurso dedicado a novos talentos. Sara ganhou uma bolsa de 5 mil euros e vai fazer um workshop de cinco semanas em Milão e Tânia representará Portugal num festival de moda holandês no próximo ano.

Depois das jovens promessas, foi a vez de criadores consagrados como Luís Carvalho e Carlos Gil apresentarem as propostas para a primavera verão do próximo ano. Cores fortes e tecidos fluidos mostram ser algumas das tendências para o próximo ano.

Hoje, é a vez de Miguel Vieira, Alexandra Moura e Ricardo Preto mostrarem as suas coleções nos Paços do Concelho.

Os desfiles começaram ontem, mas quinta feira houve fast talks, um espaço de debate e reflexão.