Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

A moda além da Moda Lisboa

  • 333

Bonecos de pano da Fulana Beltrana e Sicrana

Campiso Rocha

No Wonder Room, mesmo em frente ao Pátio da Galé, onde decorrem os desfiles, há marcas portuguesas novas e artesanais que estão a crescer a olhos vistos

Moda Lisboa costuma ser sinónimo de desfiles. São os três dias, de seis em seis meses, em que se apresentam as tendências da próxima estação. Mas há mais moda do que a que os estilistas apresentam.

Do outro lado do Pátio da Galé, o Wonder Room junta jovens e pequenas marcas portuguesas, artesanais, que também estão a ditar as tendências. "É uma oportunidade para mostrarmos a nossa marca ao público e a outras pessoas do meio que vêm ver para comprar e revender", explica Sofia Charola, 26 anos, uma das criadoras da VOKE, uma marca de fatos de banho e biquínis.

A exposição compensa e o ano passado a pequena VOKE associou-se ao 'gigante' Filipe Faísca numa parceria. O mesmo aconteceu com a Fora, óculos de sol artesanais feitos no norte do país. No ano passado juntaram-se ao estilista Luís Carvalho e desenharam um modelo que se tornou best seller. "Venderam-se muito bem, principalmente a estrangeiros", diz ao Expresso Miguel Barral, responsável da marca.

A seleção é feita pela equipa da Moda Lisboa e entra agora na sexta edição. "Nasceu de uma necessidade de mostrar marcas que não são de estilistas, no entanto, são criações artesanais e que não tinham uma loja própria para se mostrarem", diz Rita Rolex, responsável pelo projeto.

Com o tempo, muitas das marcas foram conquistando espaço no mercado. Algumas estão na vida portuguesa, participaram no Shark Tank, abriram lojas. "Foram crescendo ao nível das edições", frisa Rita. Apesar do principal objetivo de quem participa ser fazer contactos com outras pessoas do meio, alguns participantes dizem que também compensa pelas vendas ao público. "Esta edição estou a vender mais. É uma nova forma de mostrar o meu trabalho, já que costumo vender online, conta Benedetta Maxia, que faz os bonecos de pano da Fulana Beltrana e Sicrana.