Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Nove sugestões para aproveitar os últimos raios de sol

  • 333

Os dias de praia ainda estão frescos na memória, mas o outono já se aproxima. É altura de passar os dias ao ar livre antes de a chuva e do frio chegarem. Siga as nossas sugestões em Lisboa e no Porto e verá que não se arrepende

A Arrábida tem tudo

Vista da enseada da Arrábida

Vista da enseada da Arrábida

Luis Barra

Entre a capital alfacinha e a nobre cidade Invicta, não faltam sítios novos para descobrir ou clássicos bons para insistir. Se é fã de caminhadas e passeios ao ar livre, a Arrábida, a menos de 50 km de Lisboa, é sempre uma boa opção. Com trilhos próprios para caminhar - ou para pedalar e fazer BTT, o ideal para quem gosta de emoções fortes -, o Parque Natural da Arrábida tem beleza natural para dar e vender. A nossa Amalfi, como alguns lhe chamam, tem praias bonitas e variadas. Os areais do Creiro, Portinho da Arrábida, Alportuche, Figueirinha, Galapos e Galapinhos são boas opções para usufruir dos últimos dias de praia e seguras para os miúdos (com mar baixinho e baías tranquilas). Quem quiser cultura, pode dar um pulo ao Convento da Arrábida, mas certifique-se antes por telefone se há vagas para visitas guiadas. Quem quiser outro tipo de cultura - a vinícola - também tem várias possibilidades à escolha: as Caves José Maria da Fonseca e a Quinta da Bacalhoa, a poucos metros, são dois garantes de uma tarde bem passada (e regada, ou pelo menos, "provada"). A Arrábida tem tudo.

Amor e galanteio

Feira Setecentista

Feira Setecentista

DR

Quem estiver com crianças pode rumar a Sintra, onde decorre até este domingo (sábado das 17h às 24h, domingo das 13h às 24h) a Feira Setecentista de Queluz. A entrada é gratuita. No largo do Palácio Nacional de Queluz vai ser possível encontrar personagens do quotidiano do século XVIII, como aguadeiros, carvoeiros, lavadeiras, barbeiros sangradores, saltimbancos e gaiteiros. O tema deste ano é "Amor e Galanteio" e haverá mais de uma centena de tendas com doçaria conventual, ourivesaria e bijuteria, têxteis e peles, cestaria, madeiras ou azulejos. Este sábado, pelas 21h30, há um concerto gratuito (mediante aquisição de bilhetes para os Jardins Superiores do Palácio de Queluz) dado pelo Quarteto de Cordas do Conservatório de Música de Sintra. Um dia em Sintra é sempre bem passado...

Para os que não querem sair do centro de Lisboa, não faltam sugestões de esplanadas boas para passar a tarde, celebrar o "sunset" ou desfrutar noite dentro. O Memmo Alfama é um design hotel escondido no bairro típico do fado e dos turistas. Mas o seu terraço e "wine bar", aberto a não-hóspedes, oferece uma maravilhosa vista sobre os telhados e casario de Alfama - e até a piscina é tingida de vermelho, para não destoar. Recostado numa cadeira de design moderno, com um cocktail na mão, sentir-se-á de férias por umas horas - é garantido. E se quiser ficar para jantar ou petiscar, há oferta boa e em conta (aberto todos os dias das 18h às 23h).

Uma combinação surpreendente

Zambeze, na Colina do Castelo

Zambeze, na Colina do Castelo

Nuno Fox

Mas há mais. Na colina do Castelo, por cima do antigo Mercado Chão do Loureiro, tem outra esplanada de 300 m2 com outra vista arrasadora sobre Lisboa: o Zambeze. Com o rio em fundo, o ambiente é cosmopolita na esplanada, dominada pelo branco e pela luz. Quando apertar a fome, pode entrar no restaurante, que combina os sabores africanos com uma surpreendente cozinha beirã.

No terraço do parque de estacionamento

O Park, na Calçada do Combro, tem uma soberba vista para a ponte

O Park, na Calçada do Combro, tem uma soberba vista para a ponte

DR

Um pouco mais abaixo, na Calçada do Combro - ou mais acima, se contarmos o facto de ser o último andar de um parque de estacionamento - existe outra opção para tardes soalheiras que se espreguiçam noite dentro. O Park é um terraço amplo, banhado pela luz, com cadeiras de madeira, cocktails sobejos e petiscos até às 23h. Passada essa hora, há música com dj até às 2h da manhã.

Amantes do picante

O restaurante The Old House especializa-se em gastronomia de Sichuan

O restaurante The Old House especializa-se em gastronomia de Sichuan

Alexandre Bordalo

Para os amantes do ritual de "jantar fora", deixamos-lhe duas sugestões diferentes: o restaurante chinês "The Old House", no Parque das Nações, especializado em comida de Sichuan, uma das mais reconhecidas do mundo. Para "foodies", como para amantes do picante, este espaço amplo, de 1000 m2, decorado com bonsais e as típicas lanternas vermelhas, com esplanada com vista para o rio, é uma opção interessante.

Já te dou o arroz... e o cinema

No Jardim da Estrela, há cinema ao ar livre

No Jardim da Estrela, há cinema ao ar livre

David Clifford

Já para os que elegem o arroz como prato preferido - eles existem, acreditem... -, nasceu um novo espaço na Baixa lisboeta cujo nome não engana: "Já te Dou o Arroz". Recém-aberto em agosto, tem especialidades óbvias como o arroz de lingueirão, arroz de peixe e arroz de marisco, mas também serve cabrito ou pato num forno do qual costumavam sair pizas. Há ainda cataplanas, carne e peixes grelhados em carvão de azinho.

E se lhe apetecer ver um filme num cenário que não seja nem em casa nem no cinema, pode sempre experimentar a modalidade ao ar livre, debaixo das estrelas (se o céu estiver limpo). No Jardim da Estrela, pelas 21h deste sábado, pode ver o muito celebrado "Grand Budapest Hotel", do realizador Wes Anderson, e no domingo há "Monuments Men - Os Caçadores de Tesouros", que conta com um chorrilho de bons atores (George Clooney, Cate Blanchett, Matt Damon, Bill Murray). A entrada é gratuita, pelo que talvez convenha ir com alguma antecedência (e pelo sim pelo não, levar uma manta). Pode sempre apostar num piquenique antes da sessão de cinema.

E A NORTE, TUDO DE NOVO?
O Porto, essa grande nação, não fica atrás nas ofertas. Nos Jardins do Palácio de Cristal, e pelo segundo ano consecutivo, a Feira do Livro do Porto oferece leituras, debates, sessões de spoken word e até cinema. No domingo 13 pode ver a longa-metragem "Wittgenstein", de Derek Jarman, no Auditório da Biblioteca Municipal, pelas 19h, com apresentação prévia de Eduardo Paz Barroso. Mas temos mais sugestões.

Perfeito para namorar

No Gull, há bom sushi e esplanada com cocktails à sua espera

No Gull, há bom sushi e esplanada com cocktails à sua espera

Lucília Monteiro

Para aproveitar o bom tempo antes do outono, nada como usufruir da Cordoaria Sunset Party, no Jardim da Cordoaria. Sexta (18h-00h) e sábado (16h-00h) há música ao som de dj, animação, cocktails e iguarias para dizer devagarinho e com estilo adeus ao verão. A entrada é livre. Esta sexta-feira, mas num miradouro, o Passeio das Virtudes, há música ao vivo e performances. A partir das 19h, Jorge Queijo e Maria Mónica dão música ao pôr-do-sol.

Não faltam opções para quem quer gozar ainda o bom tempo e passar a tarde numa bela esplanada. O Gull, em pleno Cais das Pedras (Massarelos), tem uma invejável vista de rio e um sushi condizente, mas não só: há cocktails e sangria ideais para um fim de tarde ou peixe grelhado e bife do lombo para um almoço tradicional. Outra vista impressionante - com ênfase na palavra "impressão" - é a do 17º Restaurante Bar. Com a Invicta (literalmente) aos pés, uma simples bebida nos últimos andares do Hotel Dom Henrique pode ter um sabor diferente. Perfeito para namorar.

Era uma vez

A vista do 17º Restaurante Bar é de tirar o fôlego

A vista do 17º Restaurante Bar é de tirar o fôlego

McGunnMedia

Outro local que em nada fica atrás é o Terrace Lounge 360º, no topo do Espaço Porto Cruz, no Cais de Gaia. Quer seja ao almoço, sob a batuta do chef portuense Miguel Castro e Silva, ou à noite, para beber um copo com vista para as luzinhas da cidade, dificilmente encontra uma vista tão boa sobre o Douro.

Os pais ou avós com crianças têm também uma atividade interessante este domingo: pensado para meninos e meninas a partir dos 3 anos, sugerimos "Era uma vez... nas Caves Taylors com Clara Haddad". Esta narradora profissional de sucesso tem tido sucesso com esta iniciativa, que começa às 11h30 (e termina às 12h15). Os mais gulosos podem depois rumar à primeira loja Nut (que só tem sobremesas com Nutella) que abriu no Porto esta semana.

Lua-de-mel

O novíssimo Sandhouse, em Matosinhos, é piscina, restaurante e bar

O novíssimo Sandhouse, em Matosinhos, é piscina, restaurante e bar

Lucília Monteiro

É restaurante, é bar e tem piscina. É lindo de morrer e é um sítio aonde tem de ir se ainda não conhece. Chama-se "Sandhouse", situa-se no Edifício Transparente, em Matosinhos, tem camas lounge com cortinas brancas esvoaçantes, a lembrar os cenários paradisíacos dos destinos de lua-de-mel, e pode comer ou beber um cocktail enquanto põe o pé dentro de água. Os petiscos têm um toque oriental e à noite há sempre animação e dj (domingo a quinta-feira das 11h às 02h, sexta e sábado das 11h às 04h).

O Élebê, na Baixa, é outro dos destaques. Sofisticado, simpático e moderno, com esplanada, a cozinha está ao mesmo nível da decoração. Finalmente, não deixe de ir brindar ao princípio do fim do verão no Tiles Champagne & Gin Club, também na Baixa. O espaço é lindíssimo e todas as ocasiões são boas para beber uma flûte de champagne ou um gin, numa das suas mais variadas variações. Um brinde... E até para o ano!