Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Incêndio em Terras de Bouro mobiliza mais meios

  • 333

PAULO CUNHA/ Lusa

O fogo que deflagrou, na tarde de sábado, no concelho de Caldas da Rainha, distrito de Leiria, foi dominado, esta madrugada, numa altura em que os incêndios de norte a sul do país mobilizam centenas de operacionais

Fonte da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) disse à agência Lusa que o incêndio, registado na localidade de Cabreiros, foi dado como dominado pelas 3h28, embora se mantivem-se no terreno mais de uma centena e meia de efetivos.

O incêndio em zona de mato no concelho de Terras de Bouro, distrito de Braga, com uma frente ativa, que lavra desde a manhã de sexta-feira, reúne o maior número de meios. Pelas 5h, as chamas eram combatidas por 241 operacionais apoiados por 76 meios terrestres, de acordo com dados publicados no 'site' da ANPC.

Só no distrito de Viana do Castelo, dois fogos, nos concelhos de Vila Nova de Cerveira e de Monção, com mais de uma frente, ativos desde a manhã de sábado, mobilizavam 347 operacionais e 109 meios.

No concelho de Valpaços, distrito de Vila Real, combatiam as chamas, em zona de mato, 62 operacionais, apoiados por 15 viaturas.

Dois outros incêndios deflagraram esta madrugada. Um fogo ativo desde as 00h05 em Loulé, distrito de Faro, mobilizava cinco horas depois, meia centena de operacionais e 15 meios; enquanto um outro, que teve início às 1h49, no concelho de Oliveira de Frades, no distrito de Viseu, contava com 75 operacionais no terreno, apoiados por 19 viaturas, segundo dados da ANPC.

A ANPC destaca no portal como ocorrência significativas os incêndios com mais de três horas e com mais de 15 meios operacionais.

Desde as 00h foram registados 67 incêndios, 21 dos quais em curso pelas 5h.