Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Decretado fim do surto de MERS

  • 333

Coreia do Sul anunciou oficialmente ter chegado ao fim o surto da Síndrome Respiratória do Médio Oriente, que matou 36 pessoas no país

Depois do alarme provocado há cerca de dois meses, o primeiro-ministro da Coreia do Sul declarou oficialmente, esta terça-feira, o fim do surto da epidemia de Síndrome Respiratória do Médio Oriente (MERS, no inglês).

Hwang Kyo pediu ainda desculpa pela resposta do seu Governo à doença, cuja intervenção foi muito criticada.

Após o primeiro caso, detetado a 20 de maio - quando um homem de 68 anos foi diagnosticado com o vírus depois de uma viagem à Arábia Saudita -, a MERS foi responsável pela morte de 36 pessoas, tendo contaminou outras 186 só na Coreia do Sul.

A doença, para a qual não existe vacina, tem uma taxa de mortalidade superior a 30%, segundo a Organização Mundial da Saúde.