Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Praia do Porto Santo interdita a banhos

  • 333

As análises de rotina detetaram contaminação bacteriológica da água do mar e as autoridades tentam agora encontrar o foco de poluição. Por prevenção, a bandeira vermelha fica hasteada por mais 48 horas

Marta Caires

Jornalista

A praia da Fontinha, uma das mais frequentadas no Porto Santo, está interdita a banhos desde a tarde desta quarta-feira. A bandeira vermelha foi hasteada depois de conhecidos os resultados das análises de rotina à agua e assim deverá continuar por mais 48 horas, o tempo que demora a fazer a contra-análise. O incidente acontece em plena época alta, com os hotéis da ilha quase a 100% e um dia depois da apresentação, em Lisboa, do vídeo promocional do Porto Santo, que tem música de João Gil.

As autoridades regionais e os técnicos municipais procuram agora o foco de poluição. Segundo a Secretaria Regional do Ambiente, as primeiras investigações não apontam para uma contaminação com origem em terra. Para dissipar dúvidas, será feita uma vistoria à Estação de Tratamento de Águas Residuais, o que está previsto para esta quinta-feira. Já o 'Lobo Marinho', o navio que faz as ligações entre a Madeira e o Porto Santo, será vistoriado ainda esta quarta-feira à noite à chegada ao Funchal. Os responsáveis da Porto Santo Line, a empresa de navegação, já fizeram saber que o problema não não é do barco.

Questões que serão esclarecidas pelas vistorias ainda que, de acordo com a Secretaria Regional do Ambiente, não está posta de parte a possibilidade de se tratar de uma descarga de um navio em alto mar. Por essa razão, já foi pedido a Administração de Portos o registo de navios que passaram nos últimos dias pelos mares da Madeira. Quanto à interdição, essa irá manter-se pelo menos por mais 48 anos, o tempo que demora até se saber os resultados da contra-análise.

O incidente surge na pior altura possível para o Porto Santo como admite o presidente da Câmara Municipal do Porto Santo. Filipe Menezes de Oliveira está em Lisboa a promover a ilha através de um vídeo e da música composta por João Gil. “Neste momento, os hotéis estão quase a 100% e tem informações de que há também muita procura no alojamento local. Não tenho dúvidas de que vamos ter um Verão muito melhor do que o do ano passado”.

O vídeo, a música de João Gil e a nova imagem do concelho são uma tentativa de tentar atenuar a sazonalidade e uma estratégia para trazer turistas ao Porto Santo durante os meses de Inverno. A última época baixa na ilha foi particularmente difícil. Em Janeiro o barco foi para reparação e a Porto Santo Line não colocou um barco substituto na linha e as ligações aéreas são caras. A economia da ilha vive dos três meses de verão.

O grande cartaz do Porto Santo é a praia, os nove quilómetros de areal dourado, a temperatura e a qualidade da água do mar. As análises deram várias bandeiras azuis ao Porto Santo, entre as quais está a praia da Fontinha, agora interdita. As análises de rotina acabaram por revelar contaminação bacteriológica, a primeira detetada na ilha. O Porto Santo teve uma maré negra em Janeiro de 1990, mas nunca problemas com poluição de origem biológica.

Durante os anos em que foi presidente do Governo, Alberto João Jardim passou ali as férias, onde, entre passeios na areia e convívios nos bares da praia, comentou a política regional e nacional. A rentrée do PSD-Madeira começa sempre com um comício no Largo das Palmeiras, na Vila Baleira, no Porto Santo, a 21 de Agosto.