Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Alexandre Quintanilha dá o salto da ciência para política

  • 333

Concelhia do PS aplaude escolha do cientista de créditos firmados para cabeça de lista pelo círculo do Porto. Convidado por António Costa, Quintanilha sucede no lugar a Francisco Assis  

Isabel Paulo

Isabel Paulo

Jornalista

A comissão concelhia do Porto aplaude sem restrições a escolha de Alexandre Quintanilha para líder da lista dos socialistas pelo circulo do Porto, uma escolha pessoal de António Costa que "honra, o PS, o Porto e a ciência". Em comunicado, Tiago Barbosa Ribeiro afirma que a seleção do cientista, investigador e académico "dá um sinal muito claro sobre o papel do PS no Porto e a sua relação com os setores mais dinâmicos da nossa sociedade, ganhando a confiança dos eleitores".

O jovem líder dos socialistas da Invicta sustenta que a opção de António Costa "dá o impulso necessário" para uma grande vitória do PS nas próximas legislativas, que nas últimas eleições não foi além de 32,2%, ficando setes pontos atrás do vencedor PSD. Para o PS Porto, a escolha do líder do PS é também um reconhecimento do PS à excelência da Universidade do Porto, ao seu ensino e investigação, "que tão bem tem resistido à ausência de uma política científica por parte do atual Governo e à sua política de terra queimada para o ensino superior".

Quintanilha, recentemente jubilado do ICBAS (Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar), onde era professor catedrático, não escondeu na sua última aula, no passado dia 3 de julho, o seu descontentamento em relação ao Governo da coligação PSD/CDS, tendo sublinhado que o conhecimento "não é um luxo".

Quase a completar 70 anos, Alexandre Quitanilha afirmou ainda esperar por uma nova liderança para a ciência nacional e ter esperança que o país "não se perca" e conheça em breve um novo fôlego.