Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Sustentabilidade das pensões. Passos foi "sensato", diz Marcelo

  • 333

No seu espaço habitual na TVI, Marcelo Rebelo de Sousa falou, entre outros assuntos, sobre a sustentabilidade das pensões, as negociações da Grécia e os resultados das eleições municipais e regionais em Espanha.

Helena Bento

Jornalista

Marcelo Rebelo de Sousa considerou que o líder do PSD, Pedro Passos Coelho, foi "sensato" ao ter afirmado que o partido não vai avançar com nenhuma proposta ao nível da sustentabilidade das pensões porque é preciso o acordo com o PS. 

O comentador disse ainda que nenhum dos partidos deve "avançar muito longe" na proposta de reforma da Segurança Social porque vai ser necessário um acordo de regime que "só será possível depois das eleições". 

Ainda sobre as eleições legislativas, Marcelo disse que a hipótese de haver um governo minoritário é a mais "provável", "ganhe o centro-direita, ganhe o PS".  

Sobre as negociações da Grécia, Marcelo apontou o dedo aos governantes gregos, que considera serem "de uma teimosia que ultrapassa todos os limites". Na sua opinião, os governantes  "deviam maleabilizar a sua posição". Até porque a Europa também ficará a perder se o país sair da União Europeia. "É dos únicos países que chega aos povos do Médio Oriente. Se a Grécia sai, a Europa deixa ter essa porta", considerou. 

O comentador, que falava no seu espaço habitual na TVI, comentou ainda os resultados das eleições municipais e regionais em Espanha. Afirmou que a juventude teve um "papel fundamental" e chamou a atenção para o facto de haver cada vez mais mulheres na vida política espanhola. Os resultados das eleições revelaram, de resto, que há uma "ingovernabilidade" no país, seja a nível local, seja a nível nacional.