Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

PJ apreende 30 armas durante a detenção de suspeito de matar em pastelaria

  • 333

Crime ocorreu segunda-feira no centro de Lisboa. Detido tem antecedentes criminais.

Foi detido o suspeito do homicídio do gerente de uma pastelaria em Benfica, Lisboa, comunicou a Polícia Judiciária esta quarta-feira, adiantando que o homem, de 49 anos, tem antecedentes criminais pelo crime de ofensa à integridade física. 

O crime, "aparentemente praticado por motivo fútil", diz o comunicado da PJ, aconteceu no interior da pastelaria Lua Mel, onde a vítima, de 46 anos, foi baleada "várias vezes", O suspeito fugiu depois de automóvel e esteve a monte até ser "localizado e detido". 

Segundo a mesma nota da PJ, o homem está "indiciado pela prática de um crime de homicídio consumado e um crime de detenção de arma proibida", tendo sido apreendidas "cerca de trinta armas de fogo, municiadas e de calibres diversos", incluindo a que foi usada no crime. 

O suspeito será ouvido ainda esta quarta-feira em primeiro interrogatório judicial para aplicação de medidas de coacção, podendo ser decretada a sua prisão preventiva.